sábado, maio 21, 2022

Macron

Tudo indica que Macron vai ganhar as legislativas, em 12/19 de junho. Para isso, o governo agora nomeado tem de ser uma montra apelativa do seu “novo” projeto político. É que se uma outra maioria o viesse obrigar à “coabitação”, a sua renovada legitimidade diluir-se-ia. À suivre!

Sem comentários:

A carta da Líbia

Naquela segunda metade da década de 70, as relações entre Portugal e os países árabes iam de vento em popa. Os mercados árabes, diluídas que...