terça-feira, 17 de abril de 2018

Um poder regional

O que (não) se passou na Síria mostrou que Obama tinha razão quando qualificou a Rússia de “poder regional”. Essa “região”, contudo, evoluiu: Moscovo está, como nunca antes esteve, no Médio Oriente. Mas tem aí um poder limitado, como os três ocidentais do CSNU agora lhe lembraram

3 comentários:

Anónimo disse...

Sim ... dispararam 103 misseis de bem longe e mais de metade foram abatidos.
Ahhhhhhh valentes

Ridiculo

Anónimo disse...

Ao anónimo das 08:21

Não se esqueça que quem disse que abateu mais de metade foram os russos e esses não são nada sérios no que dizem.

PSICANALISTA disse...

Aos anónimos das 8:21, e das 16:57 :

-------------------+++++