domingo, 8 de abril de 2018

Paris - Roubaix



Não me perdoarei o suficiente por nunca me ter mobilizado, quando vivi em França, para acompanhar a prova ciclística Paris-Roubaix, grande parte da qual feita em terreno empedrado ou do género que a imagem mostra. Cheguei a ter um convite do “maire” de Roubaix para o evento e não o aproveitei. E até com esse grande fã e conhecedor do ciclismo que é Eduardo Marçal Grilo apalavrei uma jornada para ver a prova.

No dia de hoje, dia do evento, não perco a cobertura televisiva deste espetáculo de um ciclismo já pouco comum e que nos remete para a “pré-história” da modalidade.

3 comentários:

Joaquim de Freitas disse...

O primeiro morto da prova foi esta noite, Senhor Embaixador. Tinha 23 anos. Crise cardiaca.

Luís Lavoura disse...

Precisamente hoje é que o Francisco vai ver esse evento, que hoje levou à morte um ciclista!
Que má escolha de dia, Francisco!

Anónimo disse...

cheguei a frança pela 1ª vez nas vésperas dum Paris-Roubaix (o da 1ª vitória de gilbert duclos-lassalle). Inoubliable...