sexta-feira, 29 de janeiro de 2021

Venezuela

Há um tema de aberta dissonância entre a UE e os EUA. O novo “MNE” americano, Blinken, anunciou, no Senado, que Washington continua a considerar Juan Guaidó “chefe de Estado“. A Europa já não lhe reconhece esse estatuto e trata-o apenas como “interlocutor privilegiado”. A seguir.

1 comentário:

J.Tavares de Moura disse...

As primeiras medidas da administração Biden são muito prometedoras e vão ao encontro das melhores expectativas. Na saúde, na economia, nos direitos das minorias, no ambiente e transição energética, etc.

A grande decepção até agora são as tomadas de posição do secretário Blinken. Tanto que, com excepção das questão do Irão e do acordo de Paris (onde ele não risca), poderiam ter sido feitas pelo Mike Pompeo.