sábado, 9 de janeiro de 2021

Saudades de Trump


Vou ter saudades do Trump: teve o considerável mérito de me pôr de acordo, nos últimos quatro anos, com gente de quem discordo em praticamente tudo o resto.

4 comentários:

Jaime Santos disse...

Pois eu, Senhor Embaixador, ficarei muito feliz por voltar a estar em desacordo absoluto com todas essas pessoas que cita. Isso quererá dizer que alguma normalidade estará de regresso à política americana...

Flor disse...

Vou continuar a poder apreciar os cartoons da sua "carinha laroca" ;)

Joaquim de Freitas disse...


Donald Trump, é um fascista — um autoritário disposto a usar a violência para atingir os seus objectivos nacionalistas raciais. Assim como muitos dos seus apoiantes. Se alguém tinha dúvidas sobre isso, o ataque de quarta-feira ao Congresso devia tê-las acabado.

E se a história nos ensina uma lição sobre lidar com fascistas, é a futilidade do apaziguamento. Ceder aos fascistas não os pacífica, apenas os encoraja a ir mais longe.

É hora de enfrentar os fascistas por toda a parte. Com tal gente e com aqueles que os compreendem só se pode discordar. Sempre.

Flor disse...

Estou completamente de acordo com o comentário do Sr.Joaquim de Freitas. E mais, as eleições no nosso País estão a ser minadas por um aprendiz da extrema direita. Estou com muito receio do número de abstenções que vai dar voz a quem não queremos que a tenha.

Não tenho por costume comentar sobre política mas aqui é a minha "alma" a falar.