sábado, janeiro 21, 2023

As fitas do tempo

Os críticos do governo, em especial na comunicação social (que, por estes dias, é a verdadeira oposição), sabem muito bem quem, entre Fernando Medina e Pedro Nuno Santos, interessa colocar mais sob fogo, por forma a atingir diretamente António Costa. O ridículo da situação é que, com este afã contra o primeiro-ministro, agora até já incensam o tutor da Geringonça, um político capaz que tanto diabolizaram no passado. Mas, enfim, estamos no tempo do vale tudo.

13 comentários:

João Cabral disse...

Com que então a culpa é da comunicação social. Oh senhor embaixador...

Francisco Seixas da Costa disse...

Onde é que leu isso, João Cabral?

manuel campos disse...


Afinal PNS também sabia e afinal também parece que disse que sim.
E antes que saia algum relatório oficial a comprometê-lo mais do que já está, toca de se lembrar do que não se lembrava há 2 dias.
Estamos nesta, como já aqui escrevi ando a votar neles e a levar no côco desde 1969 (pelo menos) para chegar a isto a meio caminho dos oitenta.
Venho aconselhando alguns amigos e conhecidos que me vão ouvindo e que não são própriamente militantes de 3ª categoria do PS, a não se empenharem demais na defesa das situações que pouca defesa têm (eu não sou militante), que se guardem para as que merecem e justificam essa defesa.
Estamos no tempo do vale tudo, de facto.
Dos dois lados.

Anónimo disse...

E, estranhamente foi exatamente este governo que preconizou o “vale tudo” o problema é quando, como diz a sabedoria popular: “vira-se o feitiço contra o feiticeiro”

Anónimo disse...

"Com que então a culpa é da comunicação social." Não é uma questão de culpa (ou de moral). É mais uma questão de efeito. Ou será que as atitudes da comunicação social não têm qualquer influência nem consequência? Têm, têm e muita.
Zeca

aamgvieira disse...

A desfaçatez, a profunda, despudorada, desfaçatez de Pedro Nuno Santos - que vem agora dizer que afinal sabia... o que evidentemente sabia e evidentemente tinha de saber.

22 anos de amiguismo!!!!!!!!!

Unknown disse...

Confesso que fico confuso. A comunicação social anda a "incensar" o tutor da geringonça?! Não tenho dado conta.

João Almendra disse...

OH Embaixador.
O que o senhor diz, ou é ignorância ou má fé!
João Almendra

Francisco Seixas da Costa disse...

Conte lá, João Almendra.

Arber disse...

Desde 1969, Manuel Campos?
Mas o PS só foi fundado em 1973! Provavelmente votou na CEUD de Mário Soares...

Senhor Embaixador, que António Costa é o verdadeiro alvo não restam grandes dúvidas. Pois se Fernando Medina assinou o contrato quando entrou para a Câmara, presume-se que há todo um longo processo para formação desse contrato, o que conduz ao mandato de António Costa.
Aliás, o CM já hoje faz uma grande capa com o nome de António Costa bem visível.

manuel campos disse...


Arber

Não foi provávelmente, foi mesmo na CEUD que votei, fui uma das 16863 pessoas que o fizeram e já contei por aqui mais de uma vez que isso me trouxe chatices, ainda que não muito graves mas chatices, quais e porquê.
Talvez não tenha notado que não escrevi “a votar no PS” mas sim “a votar neles e a levar no côco desde 1969 (pelo menos)” o que quer dizer isso mesmo, que ando a votar neles desde 1969 e a levar no côco desde pelo menos 1969 pois, como também já aqui contei, fui estudante universitário numa altura em que o nosso côco era um alvo privilegiado do pessoal do capitão Maltez.
E se escrevi o que escrevi e da forma que o escrevi é porque quem anda por aqui há algum tempo e com alguma atenção já me leu muitas histórias, sabe o que é que eu quero dizer, não me vou pôr a contar a minha vida de novo cada vez que escrevo, um dia destes era corrido daqui por um abaixo assinado, já faltou mais.
Agradeço o seu cuidado mas as notícias da minha xéxézice são manifestamente exageradas, como poderia ter dito Mark Twain.

PS- Ainda um dia destes aqui pus um apontamento pessoal sobre um dos mais emblemáticos fundadores do PS na clandestinidade (que está lá bem no centro da foto tirada em 19 de abril de 1973 em Bad Münstereifel, na Alemanha, ao lado de Mário Soares).
É o penúltimo comentário no post “Sexta -feira, 13” de sexta-feira, 13, claro.

João Cabral disse...

«Ou será que as atitudes da comunicação social não têm qualquer influência nem consequência?»
Têm, tal como tudo o que se diz e faz no espaço público. A comunicação social não é uma redoma isolada do resto. Felizmente.

manuel campos disse...


Faltou-me enquadrar um pouco melhor a situação de 1969: a CDE teve 114745 votos, quase sete vezes mais votos que os 16863 da CEUD.
Como o regime aldrabava as contas a seu favor mas não se vê que interesse teria em favorecer o "futuro" PCP versus o "futuro" PS, isto diz muito da luta que este teve que travar contra aquele desde muito cedo.
E também por aqui se vê porque é que muitíssimos dos que vêm desses tempos e ainda tiveram que aturar as "guerras" do PREC nunca se entusiasmaram com a "geringonça".

Hélder

Hélder Macedo é uma grande figura da cultura portuguesa. Fixou-se em Londres há seis décadas e aí construiu uma notável carreira académica, ...