sexta-feira, 9 de abril de 2021

Por esse Rio abaixo

Parece hoje muito óbvio que Rui Rio, como solução para se libertar de um certo PSD, desenhou uma política interna de alianças que o tornou, em absoluto, refém do lóbi autárquico. O preço ético está a ser elevado: depois do caso dos Açores, a caminho das eleições autárquicas, parece que “já vale tudo”.

1 comentário:

Luís Lavoura disse...

o tornou, em absoluto, refém do lóbi autárquico

Mas isso é compreensível, dado que as autarquias e os caciques locais são a grande força do PSD, e são-nos desde há décadas. Aquilo que distingue o PSD, e lhe dá força, não é a ideologia nem o pragmatismo, aquilo que lhe dá força e o distingue é a implantação autárquica.