quinta-feira, 1 de abril de 2021

Toponímia sem imaginação


No meu bairro, já não se sabe o que se há-de inventar para dar nomes às ruas (esta é uma mentira de abril, desde já aviso, para benefício dos bisonhos que levam tudo à letra).

6 comentários:

Luis Ferro disse...

A mentira de Abril é dizer que esta é uma mentira de Abril. A Rua do Pau de Bandeira existe mesmo, seja a toponímia imaginativa ou não. Nomeada para o Óscar de melhor mentira de Abril de 2021.

Jaime Santos disse...

Como a rua existe mesmo :), imagino que quem lá colocou o pau o que quis mesmo foi fazer jus ao dito latino, 'Nomen est Omen' :) ...

Sofia Pinto Oliveira disse...

Senhora Embaixador:

E de onde vem esse nome?

Sempre me intrigou.

Será que havia aí uma leprosaria? Parece ser esse o motivo para o nome "Rua da Bandeira", de Viana do Castelo.

Sofia Pinto Oliveira

carlos cardoso disse...

O pau de bandeira da fotografia não està na rua do mesmo nome mas numa perpendicular...a rua do Sacramento à Lapa. E jà agora o edificio é o da Embaixada da Suécia.

Francisco Seixas da Costa disse...

Carlos Cardoso. Se reparar bem, não falei em nenhum pau de bandeira... E o edifício, desde há bastante tempo, deixou de ser a residência dos embaixadores da Suécia.

Tony disse...

Rivaliza com o Beco do Quebra Costas, em Alfama.