sexta-feira, 25 de janeiro de 2019

Portugal...



7 comentários:

Anónimo disse...

O toldo branco na porta com varanda estraga e « desfeia «  o conjunto harmonioso dos prédios . É pena e a Camara devia proibir , pois tratado-se dum bairro típico devia ser preservado . Quem quer usufruir das varandas deve procurar prédios mais modernos , certamente noutra zona da capital ...

Anónimo disse...

terra do orçamento!...

Rui C.Marques disse...

Meu Caro Francisco,luz e sombra e azul por cima ?

Anónimo disse...

Imagem de um Portugal révolu que bem podia tipificar o Portugal de Salazar.
Agora que Salazar se foi embora era bom, em nome da transparência, conhecer o nome do funcionário da CGD que fez a denuncia contra Socrates para tirar a limpo se houve perseguição ou não. Se os juizes o não quiserem revelar a Assembleia da República pode e deve investigar.

Duarte Vicente da Silva disse...

Ao anónimo das 11.23. É Ponte de Lima

Duarte Vicente da Silva

Portugalredecouvertes disse...

é espantoso: o grande número de portas e de janelas !
na tentativa de aproveitar a bela luz do dia ?!

Anónimo disse...

Ao anónimo das 10:52
Tem razão , é mesmo Ponte de Lima . Mas o toldo branco desfeia na mesma a beleza e a harmonia do conjunto de todas aquelas fachadas . Neste caso seria a Câmara de Ponte de Lima que não devia ter dado autorização para plantarem ali aquele toldo . E volto a dizer , quem quer usufruir de varandas ( sacadas , já agora ) sem sol ou chuva deve ir viver para fora dos centros das cidades antigas e procurar bairros mais modernos .