sexta-feira, 21 de junho de 2019

A sorte de quem cá fica!

Há dias de azar! Na próxima quinta-feira, dia 27 de junho, vou ter de estar a trabalhar em Bruxelas, precisamente à mesma hora (18.30 horas) em que, no Grémio Literário (Rua Ivens, 37), em Lisboa, vai ter lugar um debate a que muito gostaria de assistir, sobre um tema muito interessante: a Monarquia Constitucional e a Geração de 70.

Partindo do ano de 1875, vai ali falar-se das mudanças da sociedade portuguesa, desde a consolidação da Monarquia Constitucional, com a Regeneração, passando pelos anos do progressismo fontista e terminando com a crise do fim do século - crise política do Ultimato inglês, crise financeira de 1892 (das mais graves que Portugal conheceu) e crise ideológica, de que são testemunho histórico e expressão cultural as polémicas da Geração de 70. Por ali se referirá Eça, presença inspiradora constante no Grémio, passando por Antero, Oliveira Martins e outras figuras protagonistas desse movimento.

Introduzirão o debate Maria de Fátima Bonifácio, da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa e do Instituto de Ciências Sociais da Universidade de Lisboa, e Isabel Pires de Lima, da Faculdade de Letras da Universidade do Porto.

Do que me chegou do Grémio, a entrada é livre, recomendando-se inscrição telefónica 213 475 666 ou por email: info@gremioliterario.pt. 

Quem tiver tido a sorte de ir ao Grémio na próxima 5ª feira que depois me conte, está bem?

1 comentário:

Anónimo disse...

Noticias de Bruxelas:

- Ursula Van der Leyen na Comissão;
- Christine Lagarde no BCE;
- Guy Verhofstadt no PE;
- Tiemmermans Alto Representante;
- um socialista no Conselho: Gentiloni, mas também Costa;
- Um(a) verde Provedor de Justiça;
- Cravinho possível novo Director-Geral na DEVCO.