sábado, abril 13, 2024

Pardubice


Em família, quando deparamos com uma localidade com um nome bizarro, temos por brincadeira fazer um teste. Soaria bem perguntarmos?: "Onde é que a menina nasceu?". Para essa menina imaginária nos responder: "Eu nasci em Venda das Raparigas" ou em "Colo do Pito" ou em "Terra da Gaja".

Como soará Pardubice em checo? Se calhar, bem.

5 comentários:

manuel campos disse...


Há alguns por aí bem engraçados, já para não falar de um ou dois casos em que há muitos anos se divertiam a apagar uma das letras das placas à entrada da vila para lhes dar outro encanto ao nome.

Temos no entanto alguns nomes por esse mundo fora que também não sei como os pronunciarão os locais.

Para já no País de Gales temos a localidade com o maior nome do mundo

“Llanfairpwllgwyngyllgogerychwyrndrobwllllantysiliogogogoch” (58 letras)

que significa “Igreja de Santa Maria no vale da avelaneira branca próximo a um redemoinho rápido e da Igreja de São Tisílio da gruta vermelha".

Claro que depois vai sendo tratada por diminutivos mais ou menos carinhosos mas é só googlar o nome e ir a “imagens” para ver o orgulho dos locais (que tem o seu quê de oportunismo turístico, no bom sentido).

O clube de futebol local chama-se, como não podia deixar de ser

“Llanfairpwllgwyngyllgogerychwyrndrobwllllantysiliogogogoch Football Club”

Mas acho que não põem o nome todo nas camisolas, tinha que dar várias voltas.

Há outra cidade no mundo com um nome também comprido, ainda que dividido em várias palavras pois são 167 caracteres, trata-se de
“Krung Thep Mahanakhon Amon Rattanakosin Mahinthara Ayuthaya Mahadilok Phop Noppharat Ratchathani Burirom Udomratchaniwet Mahasathan Amon Piman Awatan Sathit Sakkathattiya Witsanukam Prasit,"

que se pode traduzir para inglês como
"City of Angels, great city of immortals, magnificent city of nine gems, seat of the king, city of royal palaces, home of gods incarnate, erected by Vishvakarman at Indra's behest."

Mas as pessoas normais, que são todas neste caso, tratam-na apenas por “Bangkok”.

João Cabral disse...

"Pardubitse": https://translate.google.com/?hl=pt&sl=auto&tl=pt&text=Pardubice%20&op=translate

balio disse...

Pardubitsé, diria eu. Não me soa mal.

manuel campos disse...


Se é esse o problema aqui vai a ligação adequada, com sua licença:

https://www.youtube.com/watch?v=MKYN4OsCuyY

manuel campos disse...


E depois daquela conversa toda lá atrás até parecia mal não ajudar os conterrâneos, já que em Viena não vão lá e é o que se vê no fim do vídeo.

Portanto e com a promessa de não pôr mais ligações hoje, mais uma vez com sua licença:

https://www.youtube.com/watch?v=0BSqZ7aSG6U

Do Irão a Israel

Ver aqui .