quinta-feira, abril 11, 2024

"Eu já fui à América Latina"


Sei que há gente que não tem paciência para ouvir um podcast que dura meia hora. Mas pode haver quem tenha. Neste caso, trata-se de uma conversa minha com a jornalista Raquel Marinho, responsável pela comunicação da Casa da América Latina, numa parceria entre esta instituição e a revista "Sábado".

Foi-me proposto que escolhesse um país da América Latina sobre o qual gostasse de conversar. Sem surpresa, optei pelo Brasil. Falei de diversos aspetos da realidade brasileira e da complexidade daa relações entre Portugal e o Brasil. Deixei também nessa conversa muita da minha genuina afetividade por aquele país.

Aqui fica o link.

6 comentários:

Flor disse...

Muito interessante, não conhecia este podcast, e há várias entrevistas que irei ouvir.
"Eu já fui á América Latina" à Venezuela, Caracas. :)

Francisco de Sousa Rodrigues disse...

Que não ouvir, não sabe o que perde!
Interessante que confirmou algumas perspetivas que tenho e, claro, acrescentou conhecimento sobre factos muito interessantes.

João Cabral disse...

Não é "pois, pois" que os Brasileiros acham que nós dizemos, é "ora, pois".

João Cabral disse...

"Genuína", falta o acento.

João Cabral disse...

Fica difícil apontar os "podres" do Brasil para não ser acusado disto e daquilo, mas ao contrário não haveria pejo nenhum em apontá-los, como sucede tantas vezes. Seria bom reflectir sobre isso.

João Cabral disse...

É "ibero-americano" que se diz e escreve.

Às três da tarde

Sou do tempo do futebol às três da tarde, sempre e só aos domingos. À noite, apenas os jogos internacionais dos clubes, porque até os das se...