quinta-feira, 18 de fevereiro de 2021

Vacinas

Dos 193 países que fazem parte da ONU, 130 ainda não receberam uma única dose de vacina.

O mundo não tem vergonha!

7 comentários:

Joaquim de Freitas disse...


E ainda, foi o melhor sistema económico e mais democrático , dotado dos mais altos valores de civilização, que ganhou a contenda da guerra-fria, fazendo cair muros e ideologias extremas. Imagine Senhor Embaixador, se fosse o outro sistema que tivesse ganho...como alguns imaginam num pesadelo permanente…

Joaquim de Freitas disse...


E ainda, foi o melhor sistema económico e mais democrático , dotado dos mais altos valores de civilização, que ganhou a contenda da guerra-fria, fazendo cair muros e ideologias extremas. Imagine Senhor Embaixador, se fosse o outro sistema que tivesse ganho...como alguns imaginam num pesadelo permanente…

Jaime Santos disse...

O pior de tudo é que, como avisava o The Economist recentemente, o aparecimento de novas variantes do vírus pode tornar os medicamentos existentes, incluindo as vacinas, ineficazes.

Uma supressão da pandemia à escala mundial é pois necessária para evitar que tal aconteça e a melhor forma de o fazer é através da vacinação, mas obviamente só enquanto as vacinas funcionarem.

O fim do nacionalismo das vacinas é pois uma medida de bom senso da parte dos países mais ricos...

Luís Lavoura disse...

Qual é o espanto? As vacinas custam muito a produzir. Se nem os países que já receberam vacinas as têm na quantidade desejada e encomendada, quanto mais os outros!

Dulce Oliveira disse...

Os pobres ficam sempre no fim da lista qualquer que seja o contexto ;(

aguerreiro disse...

Também lhes não chegou a Peste Chinesa, também conhecida por Covid!

A.B. disse...

Na última conferência de imprensa da OMS que vi, a questão foi colocada. A resposta foi que o programa COVAX já comprou dois mil milhões de vacinas, mas que é necessário montar uma infra-estrutura capaz de as armazenar e distribuir, em zonas que são um pesadelo logístico. É necessário formar pessoal, criar do zero cadeias de transporte para as que precisam temperaturas extremamente negativas, e mesmo encontrar consensos em zonas de conflito, para que a vacina não seja usada como arma. E são precisas as 2 000 000 000 de vacinas.
O mundo pode não ter vergonha, mas tirando algumas excepções também não está vacinado. E no nosso caso específico, ao ritmo do processo, haverá já gente a precisar de mais duas doses antes da maioria ter levado as primeiras duas. A vacina é uma miragem, também por cá. E já que temos estradas, médicos, hospitais, centros de saúde, farmácias, laboratórios, a nossa vergonha ainda é maior.