quinta-feira, 22 de julho de 2021

Quem me manda a mim…

Balcão da Livraria da Travessa, há minutos. Alguém pede um livro, soletrando o apelido: “B, dois E, V, O, R”. Interrompo: “Desculpe, mas não é com dois E, é com E seguido de A”. Agradecimento e saio. Chego à rua, vou ao Google. Por que não estive calado?

1 comentário: