sábado, 8 de agosto de 2015

Corregedor ou Poulidor?

Durante anos, a APU e depois a CDU - compostas pelo PCP, pelos Verdes e pela Intervenção Democrática - concorreram às eleições legislativas em listas conjuntas. Nesse tempo, nunca a ninguém passou pela cabeça que Corregedor da Fonseca, um simpático cidadão de que a maioria dos leitores nunca ouviu falar e que era o líder aparente da Intervenção Democrática, tivesse um tratamento televisivo próprio, isto é, que fosse chamado aos debates em pé de igualdade com António Guterres ou Marcelo Rebelo de Sousa.

Esse é o preço das coligações pré-eleitorais: quem procura ganhar sinergia com listas conjuntas, colocando-se sob a tutela de uma "chapa" única, concede à liderança dessa mesma coligação a titularidade para a representar. E isso começa logo pelos debates televisivos.

O dr. Paulo Portas, não obstante as qualidades mediáticas que o convertem num "must" televisivo, como mestre de "soundbites", onde quer que vá falar da "lavoura" e de outros temas magnos de interesse pátrio, converteu-se hoje, goste ou não, numa espécie de novo Corregedor da Fonseca. 

Por isso, não se queixe. Foi o dr. Portas quem atribuiu a si mesmo - e isso começou no dia em que abandonou a JSD e deixou de ser o diretor dessa esplêndida folha informativa que dava pelo nome de "Pelo Socialismo" - o destino eterno de Poulidor da política portuguesa. 

"Poupou" também era muito popular entre os franceses, que lhe achavam imensa graça, durante a Volta à França. Só que nunca ganhou nenhuma! Ficou várias vezes em segundo, lugar que, numa competição, acaba por ser o mais parecido com o último. E Paulo Portas já terá entendido que ser o "second best" da direita é, para todo o sempre, a sua triste sina.

9 comentários:

Manuel Silva disse...

Caro Senhor Embaixador:
A confusão acerca dos debates é tal que, eu próprio, que procuro estar atento aos «media», tenho dificuldades em perceber como estão as coisas, tal o grau de imprevisibilidade e de mudança de que se revestem.
E como está a líder de uma coisa chamada Os Verdes (1), também é tratada em pé de igualdade com o Passos, o Costa, o Jerónimo e a Catarina?
Se não, porquê o Portas?
----------------------------------
(1) Os Verdes não passam de um departamento para onde o PCP destaca alguns militantes para ver se as pessoas acreditam que há um partido ecologista e, por isso, que há uma coligação. Sobre a ID-Intervenção Democrática, era composta por 3 figurões, que, tal como na história dos 3 mosqueteiros, afinal eram 4, mas já só parece existir o Corregedor da Fonseca, que deve estar bastante debilitado devido à idade; o Raul Castro, o Ulpiano Nascimento e o Blasco Hugo Fernandes faleceram.

Anónimo disse...

Portas será sempre a muleta previligiada da Direita, embora, possa disponibilizar-se para um apoio a um governo PS. Para Portas o importante não é o País, nem muito menos o Partido (o PP-CDS), mas "Ele". é uma das figura mais desprezíveis da política portuguesa. A ver se Costa, quando ganhar as eleições, apesar da manipulação das sondagens a tentar combater esse inevitável resultado, não vai na música desse demagogo.

Manuel Silva disse...

Anónimo das 18:39,
Se Costa ganhar as eleições, só por milagre será com maioria absoluta.
Praticamente impossível.
Ou governa em minoria, com a vida feita num oito, pois irá ser boicotado de todos os lados: veja-se as dificuldades de Guterres, num tempo muito menos difícil.
Infelizmente, não pode contar com ninguém: BE, nem vale a pena falar nisso, aquilo é pura gelatina; PCP, tem um ódio visceral ao PS, é o PS que pode esvaziar o PCP. Este está conformado a governar um dado território autárquico, onde consegue empregar todos os seus, o maior número possível, pois assim financia-se através do dízimo que os militantes pagam à Igreja (em que se transformou aquela seita).
Por isso o PCP é o mais conservador que existe, sempre que se fala de reformas administrativas, seja de que tipo for, está contra, pois quantos menos lugares existirem menos lhe pode calhar, seja por direito próprio quando governa as autarquias, seja em qualquer entidade ou instituição onde pode meter sempre alguém.
Veja-se a Junta Metropolitana de Lisboa, impugnaram a eleição do Costa. Mais tarde, quando ele se prestou a arranjar uma solução negociada e a dar-lhe o lugar de 1.º secretário - para Demétrio Alves – aceitaram logo e calaram-se. Quantos camaradas ele já lá meteu» Quantos dízimos vão todos os meses para o partido?
É nesta miséria que estamos, até da parte dos revolucionários que nos prometem um mundo novo, um homem novo.

Anónimo disse...

Mas interessa a alguém estes debates, as datas ou quem participa neles.

Com a emigração que houve e o fastio que as pessoas têm da política e das suas personagens quem vai ganhar as eleições vai ser a abstenção.

Anónimo disse...

O Paulinha das feiras quer, mas é música. Vai nos estribo e que ficar no retrato. Isso é que era bom. O retrato tira-se no final e de grupo. Grupo dos derrotados. E o marido da D. Maria, lá vai ter de dar posse ao Costa! Quer ele queira, quer não. E com festa de alfarroba.

Isabel Seixas disse...

Estou tão fartinha, tão fartinha,tão fartinha, destas futilidades todas, que só e só associando-me a cidadãos sérios consigo cumprir o meu conteúdo funcional de enfermeira chefe, colocando o doente na centralidade dos cuidados e não os senhores doutores,os senhores administradores, os senhores enfermeiros diretores, os senhores que se acham senhores do saber só porque se filiaram num partido de preferência que vá para o poder.
Que nervos me metem

Anónimo disse...

Mesmo sendo o "second best" da direita, não se lhe pode negar o feito de ter apetrechado a armada portuguesa com três submarinos.

Anónimo disse...

Bom, era mesmo quando o PS tinha as duas muletas chamadas ASDI E UEDS. Estou mas é chateado que o ladrões já estão a rouber o meu Sporting no Algarve. Agora partidos quero lá saber desse lixo.

Anónimo disse...

Nelo silva ressuma ódio e bis em cada perpetração, mas nas suas perpetrações consegue sempre escrever que quem odeia são sempre os outros. E se comprasse um espelho? Ou quer lhe lho mandem pó endereço postal com a assinatura do Boletim do Rato?