sábado, 8 de agosto de 2020

Falhado

Por que será que a comunidade internacional, que frequentemente designa a Guiné-Bissau como um “estado falhado”, nunca o faz no caso do Líbano?

8 comentários:

João Cabral disse...

É racismo, querem ver?

Anónimo disse...

Caro Francisco,

Não será porque Portugal não é a França? Ou porque o Senegal não é Israel? Ou porque a Guiné-Conacry não tem petróleo? Ou porque o Atlântico é maior do que o Mediterrâneo? Ou porque a Guiné é mais longe da Europa, de Israel, do Irão e da Arábia Saudita? Ou porque o Líbano era a Suíça do Médio Oriente e a Guiné nunca foi a Suíça de África? Ou porque Há libaneses na Guiné-Bissau mas não há guineenses no Líbano? Etc.

Um abraço

JPGarcia

Anónimo disse...

Porque isso seria o mesmo que equivaler uma vivenda pobre com uma barraca feita de cartão.

Anónimo disse...

Pela mesma razão que não designa Israel, que aliás destruiu o Líbano, e é o maior violador do direito internacional, como país pária
Fernando Neves

Anónimo disse...

Cheira-me que o outro vai aparecer a explicar que isto é tudo culpa dos EUA, que a envolvente árabe (apoiada pela URSS), nunca teve nada a ver com o assunto e que os franceses só lá foram em turismo.

Anónimo disse...

"...É, junto com a Síria, uma das pátrias históricas dos fenícios, negociantes semitas da Antiguidade, cuja cultura marítima floresceu na região durante mais de 2000 anos e que criaram o primeiro alfabeto, do qual saíram todos os demais, tanto semíticos como indo-europeus..."
segundo dizem e escrevem, terão sido os fenícios que fundaram Lisboa, antes de Roma

".. O fim da Primeira Guerra Mundial trouxe consigo o fim do Império Otomano e a ocupação da Mesopotâmia e da Palestina pelas tropas francesas e britânicas. Reconhecida a importância que o petróleo teve durante a guerra, as potências ocupantes decidiram controlar todo este vasto território e impedir o acesso alemão aos poços de petróleo de Quircuque.."

"...O Líbano foi colocado sob mandato francês, confirmado pela Sociedade das Nações em 1922. A República Libanesa foi criada em 1926. Durante a Segunda Guerra Mundial, o país foi ocupado (1941-1945) pelas forças da França apoiadas pelo Reino Unido...


...A independência foi conquistada em 1943, sendo o país considerado, sob o ponto de vista financeiro, a "Suíça do Oriente". Por ali eram feitas grandes negociações de petróleo. Sob o ponto de vista turístico, era comparado ao Mónaco do Oriente; possuía casinos e hotéis de luxo, porém, disputas crescentes entre cristãos e muçulmano minaram a estabilidade da republica..." (textos lidos na Wikipedia)

Luís Lavoura disse...

Porque o Líbano é um país criado pela França e protegido pela França.

Anónimo disse...

Um dia destes aparece outro estado falhado muito próximo de nós. Vejam lá se adivinham qual.