quarta-feira, 13 de junho de 2018

Santo António


5 comentários:

Os olhares da Gracinha! disse...

Um olhar bem atual ...

Portugalredecouvertes disse...


Santo António continua a fazer o milagre de reunir as pessoas, em ambiente de alegria !

Ricardo disse...


Caro Francisco,

Embora não tenha a ver com a temática aqui exposta, dado que acompanho o seu blogue com frequência e, como é óbvio, saber da sua carreira diplomática, gostaria, acima de tudo, de ver exercido o contraditório ao texto publico pelo Paulo de Morais no Público, relativamente à diplomacia nacional.

https://www.publico.pt/2018/06/12/politica/opiniao/diaspora-impoe-nova-diplomacia-1833988

Grande abraço.

Francisco Seixas da Costa disse...

Caro Ricardo. Não darei, e creio que nenhum diplomata sensato dará, uma “resposta” às inanidades insertas nesse texto, de onde exalam desconhecimento, inveja e despeito, para ser moderado, porque hoje é feriado...

Ricardo disse...

Como deve calcular, ter feito a abordagem acerca da temática foi, única e exclusivamente, a forma de tentar perceber, enquanto cidadão "comum", sobre a veracidade, ou não, daquilo que foi descrito.
Quem desconhece, como eu, os meandros da carreira diplomática, poderá sentir-se tentado a julgar como válidos os considerandos efectuados.
Daí, ter recorrido a si, face ao que aleguei no post anterior, para tentar aferir sobre o que ali é alegado.

Gosto do que escreve, como escreve e sobre o que escreve. Embora, como é natural, não concorde com algumas abordagens. Foi para isto que se fez o 25 de Abril.

Abraço Aguiarense(sou natural da capital do concelho da qual já manifestou ter raízes)