segunda-feira, 17 de agosto de 2015

Conversas no Pereira (8)

 - Há alguns índices positivos sobre a situação económica portuguesa que são incontestáveis.

- É verdade.

- De certo modo, isso acaba por tornar mais difícil a vida do Partido Socialista...

- Essa agora! Não sei porquê?

- Não sabes porquê? Porque isso pode ser posto a crédito do governo, por parte dos eleitores.

- Mas há uma explicação muito fácil para esse ambiente de crescente confiança na nossa economia. E o governo pouco tem a ver com isso, antes pelo contrário.

- Não me vais falar da melhoria da situação económica internacional, do efeito do "quantitative easing" do Dragui, do interesse da Europa em edulcorar o nosso ajustamento para não perder razão no caso grego, do rácio favorável euro-dólar, da queda do petróleo, dos sinais claros da retoma em Espanha...

- Também podia falar de tudo disso e de muito mais - como o aliviar da pressão social pela emigração, pelos bons resultados dos esforços dos empresários na exportação, por um surto de turismo que nos "cai no colo", sem a menor influência do governo, em especial pela depressão securitária de outros mercados. Mas há um outro fator bem mais importante, que ajuda a explicar o "bom humor" dos mercados face a Portugal.

- Qual é?

- Então não é evidente! São os mercados a antecipar já a chegada de António Costa a primeiro-ministro, a perspetiva do "recolher a penates" desta rapaziada da austeridade e a forte confiança já induzida externamente por uma próxima vitória retumbante do PS...

- ...

13 comentários:

Henrique ANTUNES FERREIRA disse...

Caro Chico

Sem tirar nem pôr. Concordo

Abç do Leãozão

Anónimo disse...

O senhor dr. bem anda em campanha pelo PS, mas olhe que não nos convence.
Aliás, o senhor dr. fazer-me campanha pelo PS convence-me de outras coisas...

Para nosso bem que o PS perca!

Anónimo disse...

Esta é ridícula de mais!
João Vieira

Manojas disse...

Será que a austeridade lhe está a saber bem, ao anónimo das O5.43? Ou haverá outras razões?

Jose Martins disse...

Senhor Embaixador,
No que me toca a mim quero gente nova e que venha de pronto!
Estou cansado de tanto show off do Pedro e do Paulo.
Saudações de Banguecoque

patricio branco disse...

Tudo é possível...

Antonio Cristovao disse...

Até daqui consigo prever, a queda na bolsa em Outubro, se não houver maioria que não seja dos PAF.

Anónimo disse...

"O senhor dr. bem anda em campanha pelo PS, mas olhe que não nos convence.
Aliás, o senhor dr. fazer-me campanha pelo PS convence-me de outras coisas...

Para nosso bem que o PS perca!"


"o senhor dr."... ora ai esta precisamos é um de um submisso como tu para nos indicar o caminho oh anonimo

vai levar no curso! com o relvas a frente e com o passos atras!


cumprimentos


Anónimo disse...

Ganhando o PS teremos mais do mesmo a que nos habituou: subsidios a quem não quer trabalhar,minorias étnicas,livre-circulação no espaço da CPLP,etc...

Sérgio

Anónimo disse...

Atão não se está mesmo a ver que o das 05:43, acabadinho de chegar do Pontal, ainda cheio de graça à pressão e que deve comer da gamela. É preciso ter lata! Até já falam em maioria inequívoca, vejam lá.

Anónimo disse...

"Ascenso Simões contra eleição direta do Presidente
Cabeça-de-lista do PS em Vila Real anuncia que não apoiará qualquer candidato presidencial. E defende uma revisão da Constituição, para fazer com que o Presidente seja eleito por sufrágio indireto."

in "Observador".

Saudosos dos velhos tempos da ANP !......

Anónimo disse...

Rectificação ao final do comentário das 19:25:

Ascenso Simões saudoso dos velhos tempos da ANP !...

Anónimo disse...

dia 20 Agosto:

E o que disse Sócrates agora? Que o prenderam para “condicionar as próximas eleições e impedir a vitória do PS”.