sábado, dezembro 04, 2021

Que sorte?!


Há momentos em que nos sentimos fortemente injustiçados. Há pouco, ao dizer a um amigo, que me telefonou, que ia a conduzir o meu carro, por estradas estreitas e sinuosas, numa viagem para uma jornada de reflexão, de dois dias, numa zona remota, ouvi, do outro lado da linha, o comentário: “Tu tens cá uma sorte!”. Que sorte? Atravessa um cidadão o país, voluntariando-se para uma atividade pro bono, dando o melhor (e o pior, também é verdade) de si para ajudar a pensar as coisas e o mundo e é logo acusado de ter “sorte”? Olhem só o caráter agreste e rústico da paisagem com que tenho que me confrontar nestas difíceis horas para, com equanimidade (gosto destes vocábulos de fim de semana), poderem ajuizar sobre se tenho ou não razão. É claro que tenho! Fico antecipadamente grato pela vossa solidariedade!

3 comentários:

Lúcio Ferro disse...

Tem imensa sorte sim. Já viu o que era se nessas estradecas o Sr. Embaixador se lembra de passar o limite de velocidade e um indivíduo qualquer vindo de menos se espera se atravessa no seu caminho e se magoa seriamente ou até morre? Upa, upa, tem às costas um problemão e mais lhe digo, se por acaso forem passageiros na viatura, tb eles estão num bonito sarilho, quem os manda não estarem de olhos postos no conta-quilómetros no carro conduzido por si? São co-responsáveis da sua negligência homicida, tinha que ir tudo preso em seguida, todos, corrutos da condução, é o que é...

Flor disse...

Eu diria mais, estopada! Percorrer as distâncias por estradas húmidas, escuras, frias não é o mais agradável. Com toda a certeza, o Sr. Embaixador será recompensado com o calor de uma maravilhosa lareira e com o aroma da lenha de azinho:). Já agora também com uma refeição onde é rainha a "Canjinha de galinha com os seus ovinhos" É o oásis! (Adivinhei?)

Jaime Santos disse...

Não tem a minha solidariedade. Tem antes a minha inveja...

A Nato, a Rússia e a Ucrânia

A tensão atual NATO-Rússia parte de duas realidades incontroversas e potencialmente conflituantes entre si. De um lado, está o tropismo ocid...