quarta-feira, 12 de setembro de 2018

A conta!

Sei que ninguém vai acreditar nesta história mas, hoje, vi alguém, depois de um almoço com amigos que tinha convidado para sua casa, pedir um segundo café à empregada e, distraído, dizer “... e a conta, por favor!” Foi uma gargalhada coletiva, a começar pela própria empregada!

2 comentários:

Luís Lavoura disse...

Refere-se a uma empregada doméstica?! Mas isso ainda existe?!

Anónimo disse...

Claro que sim que existem , todo o trabalho é digno desde que seja feito com dignidade e profissionalismo . E é mais digno ser empregada/o doméstica do que estar a receber dinheiro do Estado , queixando-se que não encontra emprego ! Isto é a 1a parte , a 2a é que o seu amigo estava a fingir de distraído , digo eu , para criar um ambiente divertido ( então não houve gargalhadas ? ).