quarta-feira, 20 de janeiro de 2016

A cunha

Aquele amigo olhou para o secretário-geral do MNE com uma cara que denunciava uma qualquer núvem de divergência entre ambos.

- Devo dizer-te que fiquei bastante desiludido por afinal não teres colocado o rapaz de quem te tinha falado naquele posto. Eu havia-te dito que tinha um grande empenho em que fosse ele o nomeado...

- Eu tinha percebido, meu caro! Só que verifiquei que todos os outros candidatos eram melhores que o "teu"...

- Ora bolas! Mas a minha "cunha" era precisamente pelo facto de se saber que os outros eram melhores... 

9 comentários:

ignatz disse...

sem nomes nem queixa para a procuradoria investigar até parece um hit parade do candidato morais.

opjj disse...

Caríssimo desde que o mundo é mundo houve e haverá sempre cunhas. Mesmo os muito bons têm a sua vida dificultada.Tudo faz parte dum circulo e circunstancias.
Cumps

Francisco Seixas da Costa disse...

O ignatz quer perseguir quem já morreu há mais de 20 anos. É uma história dos anos 50 (o SG do MNE hoje já não escolhe pessoas). Saudades desses outros tempos?

Anónimo disse...

Pois, mas o tom cordial dessa conversa diverge da realidade realidade atual: há casos onde pedidos não satisfeitos dão origem a muitos problemas, sobretudo quando se está numa posição hierarquicamente inferior.
E tanto é verdade no público como no privado (atente-se no rescaldo dos bancos falidos).

ignatz disse...

poizé, as actuais só serão reveladas quando prescreverem. eu não quero perseguir ninguém, você é que conta estórias e diz ter saudade desses tempos, de perseguição, presumo.

Francisco Seixas da Costa disse...

Quem o viu e quem o vê! O ignatz anda agora por aqui de "bola baixinha", com uma linguagem "a ver se o publico", bem diferente daquela com que zurze meio mundo em outros espaços onde lhe dão corda livre à tecla. Vantagens educativas (e de civismo) do "exame prévio".

Anónimo disse...

Comparar a situação das cunhas nos anos cinquenta com a situação das cunhas atual é como comparar o José Carreras com o Tony Carreira!

Anónimo disse...

O valente Anonimo das 22,39 tem razão . Nos anos 50 só havia um sistema : o das cunhas
Fernando Neves

Anónimo disse...

O anónimo das 22,39 NIF - 101975678