sábado, 12 de fevereiro de 2011

Saudades de Brasília

Oferecido por um amigo brasileiro, chegou-me hoje um belo livro produzido pela "Camargo Corrêa", comemorativo dos 50 anos da cidade de Brasília. 

Das fotografias contemporâneas que o trabalho apresenta faz parte esta imagem. No típico léxico brasiliense, ela representa as "tesourinhas", o "eixão" e os "eixinhos", na "Asa Norte".

Em tempo: o "Correio Braziliense", o mais importante jornal de Brasília, herdeiro de um órgão de informação homónimo criado em 1808, em Londres, faz hoje (4.3.11) a este post. Leia aqui.

14 comentários:

Anónimo disse...

A fotografia podia chamar-se: Simetria no asfalto! :)

Isabel BP

Margarida disse...

saudades dos american turnpikes...
;)

Mário Machado disse...

Que saudade que carrego da minha cidade natal. Principalmente das tesourinhas como essa da foto.

Abs,

Anónimo disse...

Brasilia tambem tem saudades de si caro Embaixador.

Julia Macias-Valet disse...

...e "Trevo de 4 folhas" ?

Anónimo disse...

E borboletas e laços!...

Que bonito, acho uma heresia pessoas conhecerem tudo e outras nada, está bem concedo que é inveja despeito dor de cotovelo...

Também, pronto gostar de ter ido lá ... Mas pronto já é bem bom ter-nos trazido cá...
Obrigada

Isabel Seixas

De qualquer forma quando for lá pela enésima vez podia deixar-me ir a mim... olhe quem não pede não ouve Deus...
Claro que tenho lata
Na não acredito que só deu conta agora...
Valha-o Deus...

ARD disse...

São, sem dúvida as tesourinhas no "eixão", mas como distingue que são na Asa Norte e não na Asa Sul?

Francisco Seixas da Costa disse...

Caro ARD: pelo tipo de vegetação que, como sabe, é muito mais densa na "asa sul" mas - confesso... - porque a legenda a imagem no livro assim o diz...

Francisco Seixas da Costa disse...

Caro ARD: pelo tipo de vegetação que, como sabe, é muito mais densa na "asa sul" mas - confesso... - porque a legenda a imagem no livro assim o diz...

Anónimo disse...

No livro assim o diz...In FSC

Logo é para acreditar...

Esse tipo de... Credulidade é tão Intemporal...Ingénua,romântica e comovente...

só que por exemplo eu coloco sempre um ou dois erros de palmatória que é para ver se estão atentos... quer dizer às vezes é por distração ou ignorância... Também entre tantos carateres...

Agora a sua convição , deveras cómica e eu a pensar que o senhor tinha estado lá...
Oh...
Isabel seixas

Anónimo disse...

Brasília… aquela eterna amante que no mais breve reencontro, apaga a mais longa separação.

JR

Mário Machado disse...

Bom é possível comprovar que é a Asa Norte pela fachada dos prédios, não há na Asa Sul prédios com aquele tipo de fachada que estejam voltados para o Eixão.

Abs,

Wellington Diniz disse...

É na Asa Norte, entre quadras 113 e 114. É possível saber pelas alças de acesso ao eixão e pelas mesmas alças de deixadas do eixão, além, como dito pelo Mário, pelas fachadas dos blocos.

Anónimo disse...

Os prédios que aparecem na foto ficam nas SQNs 213 e 214, Asa Norte portanto. Quem morou nelas, as reconhece imediatamente, pois são as "tesourinhas" que têm acesso direto ao "Eixão" (creio que são as únicas).