domingo, 12 de abril de 2009

Palma

Que tal começar a semana ouvindo "Encosta-te a mim", tema magnífico de um Jorge Palma mais recente?

4 comentários:

Helena Sacadura Cabral disse...

Agora é mais perigoso ouvir o Palma a cantá-la, porque o homem resolveu portar-se bem e casar-se. Mas que é uma belíssima sugestão, depois da doçura das amêndoas, lá isso é...

Margarida Pereira disse...

Esta música pertence à banda sonora da minha vida. Há um ano fez todo o sentido e o homem escreveu o que eu vivia (raio de coisa, isto dos sensíveis se lerem uns aos outros, se dizerem e se cantarem...).
Palma e Paris, há um ano, um só mundo, uma só existência.
Dele se resmunga muita coisa. Por preconceito e por embirração. Mas verdade é que ele canta coisas verdadeiras.
E isso é que importa.

Anónimo disse...

Pois operacionalizando a Sua sugestão, decidi subverter o meu sofá á voz do Palma e o resultado da personificação e animismo sussurrado foi uma letargia tão saborosa como a intenção da tolerância... de ponto.
Isabel Seixas

Helena Sacadura Cabral disse...

Senhor Embaixador, é uma verdadeira delícia o diálogo que o ilustre diplomata conseguiu neste cantinho seu/nosso cantinho.
Pode crer que o único risco é o vício. Porque, julgo, todos os seus seguidores a ele vão ficar sujeitos...