quinta-feira, 4 de agosto de 2016

Digo eu, não sei...

A aceitação pelo secretário de Estado dos Assuntos Fiscais de uma "boleia" da GALP para ir ao Europeu é uma insensatez. Acho eu.

Daí a isso justificar a sua demissão vai uma imensa distância. Acho eu.

O país, contudo, não pode estar à mercê do meu (ou do seu, leitor), "achismo". Tem de haver alguem com legitimidade, originária ou delegada, para se pronunciar sobre isso.

A ausência de um organismo próprio, que avalie e dê pareceres sobre as questões de ética pública, não implica que essa avaliação se não faça.

No tocante ao comportamento dos membros do governo, é ao presidente da República que compete essa avaliação.

(Recordo, em 2000, que Jorge Sampaio exigiu a António Guterres a demissão de Armando Vara, por uma determinada questão).

Se, neste caso, o presidente (que se saiba) não atuou, isso pode significar que, no seu juízo (o juízo de quem tem uma indiscutível legitimidade), o caso não se reveste de uma gravidade que justifique a demissão do secretário de Estado.

É essa, também, a minha opinião, que, porém, vale tanto como a do leitor. Ou, para usar uma bela expressão que muito se diz na minha terra: digo eu, não sei...

12 comentários:

ignatz disse...

agora percebe-se porque é que a imprensa noticiou amplamente o pleonasma passos a passar despercebido na final de paris e anunciar que pagou o bilhete do seu bolso. falta averiguar quem foi o psd da galp que ajudou a montar a tramóia.

ignatz disse...

luis montenegro, hugo soares e luis campos ferreira, deputados do psd, foram a frança ver jogos bué de vezes à pala da olivedesportos, mas isso não interessa porque foram convites pessoais privados.

Anónimo disse...

Rocha Andrade deve demitir -se já, para bem da reputação do Governo, da dele e da de Portugal. Num país normal;?, seria o Governo a convidar a petrolífera - limpa - para obter bons contratos com o estrangeiro.

JPGarcia

T disse...

Que eu saiba o Passos não tem funções executivas neste Governo nem exclusividade e funções, muito menos está a tutelar uma pasta onde a Galp está em litígio com o governo, são mais de 100 milhões coisa pouca..
Mas sim é é grande argumentação "tá mal o tanas, o outro também fez".
Vxas só têm os políticos que merecem, continuai a desculpar os ditos.

Rui Oliveira disse...

A decisão do Secretario de Estado devolver à Galp os custos das suas duas viagens a França não"limpa" a sua atitude irresponsável pois o que está em causa não é o valor das ditas viagens mas sim a falta de ética que demonstrou ao aceitar tal convite. E os princípios éticos não se adquirem com a devolução do valor daquelas viagens. Este Senhor não pode continuar a fazer parte do Governo ainda por cima na área com a responsabilidade dos assuntos fiscais

Anónimo disse...

O presidente tem legitimidade indiscutível?! Essa agora!....

ignatz disse...

ah... pois, o cavaco beneficiou da valorização de umas acções que não valiam nada dum banco falido e ainda não demitiu ou sequer foi investigado. se o andrade for ao ar, o marcelo vai tamém por peculato do uso do falcon, o primeiro mandou cheque para pagamento integral e o segundo mandou uns trocados para ajuda do gasóil.

Anónimo disse...

Olhem que o 1º e o 2º do Grupo Parlamentar do PPD/PSD, também foram à borliú. Há, mas esses, foram pagos pelo Sr. Oliverdesportos!! Ainda não ouvi nada sobre estes casos.

T disse...

O sr da Olivedesportos já desmentiu, a central de informações anda a falhar...
O uso do Falcon é peculato? Hilariante.

ignatz disse...

o senhor da olivedesportos, que por acaso é dono da cosmos, agência de viagens que trabalha para a federação portuguesa de futebol, levou 18 horas a localizar e substituir os documentos internos referentes às viagens dos deputados psd. agora não basta desmentir, são necessários comprovativos dos pagamentos, datas e meios utilizados. não vale argumentar com pagamentos em dinheiro vivo ou alegar que foi a crédito, ninguém acredita. quanto ao falcon é hilariante mazé o marcelo mandar um cheque para ajudar a pagar o combustível.

Portugalredecouvertes disse...


Se eu entendo bem o dinheiro deveria ser devolvido ao Estado e não à Galp, assim iria abater um pouco à dívida, não é ?!

Anónimo disse...

MAIS DO MESMO! Infelizmente, transversal, no PS e no PSD...
Abafa-se tudo e entre um e outro banho banaliza-se...