domingo, 20 de outubro de 2013

A Europa na Culturgest

Ao longo dos últimos meses, a Culturgest, sob a direção de Miguel Lobo Antunes, organizou quatro debates sobre a questão europeia, num ciclo intitulado "Portugal e a reformatação da Europa: incertezas, riscos, opções".

Quatro deputados europeus - Elisa Ferreira, Paulo Rangel, Diogo Feio e Rui Tavares - mantiveram diálogos respetivamente com João Ferreira do Amaral, João Salgueiro, João Costa Pinto e comigo sobre diferentes facetas dessa realidade.

Cada um desses debates prolonga-se por cerca de hora e meia, estando agora disponível em vídeos. Quem estiver interessado, pode visualizá-los aqui. *

*dá-se "um doce" a quem tiver essa paciência...

6 comentários:

Anónimo disse...

Só é pena que a nossa imprensa sempre distraída e desinformada não noticie o obvio ululante. O autor do chamado "relatório politico sobre a atuação do Tribunal Constitucional" é há muitos anos militante laranja e como não há coincidências esta em curso o processo de seleção para Diretor da Representação da Comissão em Lisboa... Não foi pois a Comissão Europeia que exprimiu o seu ponto de vista, mas um candidato a um lugar de Diretor em Lisboa que por acaso é militante do PSD...

Anónimo disse...

Sr, Embaixador, não lhe parece que se o governo fosse formado pelos comentadores tudo isto seria um mar de rosas? Aliás também penso o mesmo no caso do futebol! Com análises tão profundas, estou convencido que, qualquer comentador de qualquer daqueles programas todos, se treinasse a seleção ganharia, a brincar, o campeonato do mundo!
antonio pa

Helena Oneto disse...

Caro Senhor Embaixador,
Ouvi tudo até ao fim. Ufff!
Mereço um doce proporcional em tamanho e peso à hora e tal do interessante e mui esclarecedor debate mas confesso que foi o seu novo look "What else?" que ajudou muito a "retenir mon attention":):):)

Isabel Seixas disse...

Subscrevo na integra a amiga Helena Oneto.

Francisco Seixas da Costa disse...

Caras Helena e Isabel: o "new look" mais não é senão uma preguiça estival prolongada no tempo. Mas obrigado pela paciência.

Isabel Seixas disse...

Obrigada não ... E o doce?!... O que está dito está dito...