sábado, 31 de dezembro de 2011

Última frase

De uma pessoa amiga, recebi, neste último dia de 2011, esta frase de Nietzsche:

"Uma das formas de disfarce mais subtis é o epicurismo e uma certa coragem ostentatória do gosto que assume ligeiramente o sofrimento e se defende de tudo o que é triste e profundo. Há homens serenos que se servem da serenidade porque essa mesma serenidade os torna incompreendidos. E que querem ser incompreendidos."

Acabo o ano com esta frase, de que gostei.

22 comentários:

Um Jeito Manso disse...

Curiosa forma de se despedir de 2011.

Desejo-lhe, Embaixador, um 2012 inesperadamente bom. Saibamos lutar por isso. E tenhamos sorte que, nestas coisas, a sorte dá sempre jeito.

Helena Oneto disse...

Senhor Embaixador,
Bonita frase para terminar este e começar 2012 serenamente!
Abraço amigo

Helena Oneto disse...

Ah! a fotografia ilustra bem esta "ultima" frase!

Anónimo disse...

Muito bem!

a) Zaratustra

Isabel Seixas disse...

Uma despedida de 2011 com subtileza diplomática impregnada de serenidade e coragem, alusiva à amizade como um bem maior, que mais poderemos desejar, bom 2012.

Anónimo disse...

Tenho uma ponta de esperança a puxar-me para o lado positivo e que me diz que 2012 será um bom ano!
Espero que assim seja para o "duas ou tres coisas" e para todos que por aqui passam.
José Barros

driftin' disse...

E, ainda de Nietzsche:

«Uma coisa é o abandono, outra é a solidão; isso o aprendeste agora, e ainda que, entre os homens, sempre te sentirás um estrangeiro, um bárbaro.»

Mas esta, creio, não é uma frase de que se goste especialmente, ainda que não seja de todo despicienda.

Permita que lhe deseje um 2012 menos sorumbático, mas, talvez, muito mais subtil.

driftin' disse...

Diz-se frequentemente, se calhar com alguma razão, que a língua portuguesa costuma ser muito traiçoeira.

Não venho, desta vez, deixar um comentário, antes uma adenda. Talvez não valha a pena publicá-la!...

Os adjectivos "sorumbático" e "subtil", não se dirigem a si, embaixador, mas, tão-somente, ao novo ano que não tarda aí.

Paulo disse...

Desejo-lhe um excelente ano de 2012e aproveito para lhe dizer que a leitura das suas crónicas no "Duas ou três coisas" é para mim um imenso prazer.

Anónimo disse...

Eu também acabo o ano com esta leitura de que gostei.
Felicidades.
Francisco F. Teixeira

Anónimo disse...

BOM ANO 2012, Embaixador.

Carlos Falcão

Anónimo disse...

Nietzsche, ao menos, previu o que ia acontecer: "O socialismo Moderno tende a criar uma forma de jesuitismo secular, a tornar todos os homens instrumentos"; e ainda: "Aquilo que se deseja é o bem-estar... Em decorrência, caminha-se rumo a uma escravidão espiritual como nunca se viu antes... O cesarismo intelectual paira acima de toda a atividade dos homens de negócio e dos filósofos."

de albert camus sobre nietzsche

Espero que os amantes de Nietzsche que por aqui passam estejam longe de saber que Nietzsche foi o filosofo adoptado e idoletrado pelo National zocialism partido do Adolf Hitler, espero !

Espero também que 2012 não se torne no ano terrivel que prepararam para nos servir! Espero que alguma coisa falhe nesse plano; que aconteça algo que os faça recuar !!!!

OGman

Francisco Seixas da Costa disse...

Caro OGman: vejo qui segue, com fervor, o que escrevi no meu post "Sensatez". Hitler gostava de Nietzsche. Claro! Ainda bem! Eu, como o Hitler, também gosto muito da Leni Riefienstahl. E daí?

Catinga disse...

Eu sou um nazi convicto: gosto de Wagner, de louraças de boas carnes e tenho vários eletrodomésticos de marcas que apoiaram o esforço de guerra alemão.

Tinha no computador um antivírus de uma empresa israelita mas substitui-o mal aqueles semíticos me disseram que tinha de pagar uma nova licença!

Anónimo disse...

CAro embaixador,

Permita-me que o corriga: Eu não li esse seu post "sensatez" !

Tive um professor de Filosofia que me introduziu a obra de Nietzsche edesde essa altura fiquei a saber que foi uma fonte inspiradora para hilter !

Esse tal outro que fala, desconheço , mas acrescento, que quem não deveria gostar muito dos seus gostos filosóficos, seriam os judeus hebraicos. Para os sionistas isso nem os incomoda!
Veja lá se não arranja disabores diplomaticos com essas tiradas!

OGman

Francisco Seixas da Costa disse...

Caro OGman: o que eu quis dizer (no post "Sensatez") é que o meu amigo não muda com o mudar do calendário.

Ah! e também gosto de Wagner, dos BMW's, das Oktoberfest e de bolas de Berlim. Com creme, claro.

Quanto à Leni Riefienstahl, foi uma das mais geniais fotógrafas dom mundo.

Helena Sacadura Cabral disse...

Subtilíssimos estes comentários!
Para fim de ano, muito animados.
Já agora, confesso que tenho um livro das fotos da Leni que aconselho vivamente a quem goste de fotografia, porque as suas fotos são de uma enorme beleza!

Elisa disse...

A ouvir o Concerto de Ano Novo desejo um Bom Ano de 2012 para o autor e todos os seguidores deste blog. Aproveito para dizer que a leitura diária, ao fim do dia, dos posts e respetivos comentários, são uma lufada de ar fresco neste mundo que tantos vaticinam terrível. Abraços

Anónimo disse...

Caro Embaixador,

O caso de eu não mudar com o tempo poderá ser visto pelo lado positivo ou negativo, embora isso pouco importa para o tema.
Mas como não percebi onde queria chegar, ficamos então cada um com a sua bicicleta !!!

Assim a talhe de foice para a Dra HSC sobre a Leni, que segundo consultei agora , foi realizadora de muitos filmes NAZI´s e no julgamento apos a II Guerra, safou-se com a desculpa que não sabia do genocideo nos campos de concentração. Enaltecer o seu talento de fotografa mostra pouco sentimento para aqueles milhões de judeus mortos nos campos de concentração.

Já gostar-se de BMW´s e Bolas de Berlim é outra coisa !

OGman

Anónimo disse...

Em Português, as siglas não têm plural. Deve-se portanto, escrever "os meus BMW", "os EUA", "a minha coleção de CD", etc. Usar o apóstrofo é um anglicismo.

ARPires disse...

Me dão imenso prazer, não só a leitura dos postes, quanto a dos comentários que por aqui se fazem e com os quais se vai aprendendo sempre.
Um bom ano a todos, os que por aqui passam e comentam, para os que só leem e não comentam e ao embaixador de todos nós, a todos um ano menos negro do que o anunciado.

ARPires disse...

Me dão imenso prazer, não só a leitura dos postes, quanto a dos comentários que por aqui se fazem e com os quais se vai aprendendo sempre.
Um bom ano a todos, os que por aqui passam e comentam, para os que só leem e não comentam e ao embaixador de todos nós, a todos um ano menos negro do que o anunciado.