domingo, 25 de setembro de 2011

Bancas

Leio no "Público" este título alarmante: "Banca nacional já perdeu 46% do seu valor em bolsa este ano".

Leio no "Journal de Dimanche": "La dégringolade des trois principaux établissements français" - desde 1 de julho, BNP Parisbas perdeu 53% do seu valor em bolsa, Société Générale 61% e Crédit Agricole 58%.

21 comentários:

Fada do bosque disse...

Sr. Embaixador, tiraram o dinheiro todo aos trabalhadores, estão a acabar de privatizar tudo para começarem a fazer o impensável. Algo que nem é bom pensar. São as tais teorias da conspiração de que o poder bancário governa o Mundo e quando bem querem provocam uma crise grave, que por sua vez provoca a guerra e destruição, para que possam mais tarde construir e voltar ao mesmo, capitalismo. O pior de tudo é a despopulação em massa que têm em mente, pois decidiram que os recursos terrestes a partir de agora, só chegam para eles e uma casta de priveligiados que poderá sobreviver ao Armagedão. A dívida soberana foi para impedir a guerra dizem eles... e um acto Glass Steagall a nível europeu e americano? porque não?! Porque eles não permitem e isto está pior que 1933. Guerra é o que eles querem! com a cumplicidade dos políticos. Depois lá virá a tal ditadura orwelliana a que tanto aspiram. O Mundo vai passar muito mal mas essas sociedades "secretas" acham-se com o poder divino e nada os fará parar, infelizmente.

Helena Oneto disse...

A estas percentagens dramáticas (e sei bem o que digo porque trabalho num desses bancos) tenho vontade de dizer aos meus conterrâneos que o velho ditado francês é sempre de actualidade: "L'herbe est toujours plus verte chez le voisin". La preuve!

Fada do bosque disse...

Depois Ahmedinejad é que é o terrorista...
Grande discuro o dele nas Nações Unidas... mas os manipuladores ocidentais não aguentaram tantas verdades e fugiram... impressionante! Além de tudo são cobardes. Somos governados por estes terroristas, por isso não esperemos um final feliz, se o iraniano o é, não deixou de ter razão para dizer o que disse. Só se esqueceu de dizer que o Japão se tinha já rendido quando levou com as bombas atómicas... ou então não me apercebi...
http://www.unmultimedia.org/tv/webcast/2011/09/iran-general-debate-66th-session.html

patricio branco disse...

para quem pode, é boa altura para comprar participações nesses bancos

Margarida disse...

Não falemos disso, s.v.p., não gosto de filmes de terror...
:(
...porque não lê, sei lá, a Telecine?

Helena Sacadura Cabral disse...

Senhor Embaixador
Através do Google Chrome cheguei cá. Através do SAFARI, por enquanto, não.
Li as mesmas notícias. Por isso é que acredito que não deixem cair a Grécia. A Alemanha, França e Reino Unido têm os seus bancos muito envolvidos na crise helénica. Logo, se abandonam a criança...podem ver-se em maus lençóis.
Mas também lhe digo que o coeficiente financeiro 1/9, isto é por cada unidade recebida podes emprestar nove, foi largamente ultrapassado. O que faz com que esses bancos já andassem a "patinar" antes da crise. Esta só pôs à vista o problema...
O que eu gostava era de perceber porque razão as autoridades de fiscalização não deram por nada e são as troikas que dão por tudo. Faz-me espécie...

Francisco Seixas da Costa disse...

Oh! Fada! Essa do grande discurso nas Nações Unidas só de si! Nunca pensou passar férias por lá?

Margarida disse...

Grande discurso de quem?!
Do doido do iraniano?!
Poramordedeus...
Até gosto (muito) de histórias de suspense, mas as teorias da conspiração têm o seu lugar próprio: Hollywood!

Fada do bosque disse...

Já, Sr. Embaixador... até porque ouvi dizer, que são o povo mais hospitaleiro e simpático do Mundo. Apesar de saber que o povo iraniano é muito maltaratado pelas autoridades se não fizerem o que as autoridades exigem. É uma ditadura com outros contornos, daí eu ter dito que o Ahmadinejad pode ser terrorista, mas os senhores do poder ocidental não ficam atrás. Esperemos para ver ao que os Rots têm em mente para os ocidentais...
Coisa boa não será. Esperemos para ver o que mais tarde se irá passar por cá. Anseio estar errada.

Fada do bosque disse...

Eu sei que não é políticamente correcto dizer que o homem tem razão... mesmo que a tenha.
Aliás os senhores da "Democracia" já se devem estar a preparar para tornar o Irão num País Democrático à maneira ocidental.

Fada do bosque disse...

Ouviu o discrso Margarida? Se não, está no endereço do meu 2º comentário.

Margarida disse...

Há coisas que dispenso de ler e de ouvir a partir do momento que determinados princípios se questionam e certas normas se quebram.
O sujeito não tem ponta por onde se pegue e o que quer que tenha dito com algum laivo de 'razão' não redime as inenarráveis alucinações que já produziu. Ponto final parágrafo.
Aquilo (não me merece mais do que um 'it') é alvo para uma resolução de qualquer forma (imagino que mal) porque dali só sai iniquidade, a começar contra o próprio povo.
É outro que estica a corda até dar.
Andam todos anestesiados com o bendito discurso contra o ocidente e os malandros dos americanos mas, venha quem vier, não existe nada como uma democracia ocidental, com todos os defeitos que tem, nem há país que seja tão estupendamente diverso e plural como a América (com todos os defeitos que tem, e sei bem que tem).
As teorias são legítimas, mas há que saber que a realidade é muito mais prosaica (e dizem que eu sou uma romântica, hã?), é preciso estar por dentro das coisas, ao invés de se ler a propósito (e contra mim falo - esta é uma tese -).
Quem é que 'tirou o dinheiro aos trabalhadores'?
Como chegámos até este deplorável estado de coisas?
"O poder bancário governa o mundo"?!...coitadinhos dos banqueiros (e, ainda mais, dos pobre, esfalfados bancários...)!
Enfim, cada um tem direito às suas ideias, essa é que é essa.
Até o 'coiso' lá da velha Pérsia...

Portugalredecouvertes disse...

Sr. Embaixador
Também fico com muitos pontos de interrogação, se pensamos que cada vez temos mais crises que acabam por nos ir ao bolso de uma maneira ou de outra. Lembro-me das bolhas, novas tecnologias e imobiliária, onde as pessoas com grande entusiasmo compravam acções antes de estas cairem de um dia para o outro, depois vieram os medos das epidemias e pandemias, toca a comprar medicamentos de prevenção,vacinas, etc, os governos a gastarem dinheiro (espero que tenha sido útil), doenças transmissiveis en todos os animais, vacas, aves, porcos, etc.
agora a crise do subprime, finalmente as bolsas a cair, e os défices dos estados, ou seja primeiro as empresas depois os própios estados, tudo isto a pagar pelo povo ou contribuinte...
também não gosto de acreditar em conspirações, como dizia o outro, mas que as há...
enfim para dizer que é impossível aguentar tantos ataques serrados em tão pouco tempo, que estará ainda para vir?
se formos otimistas, podemos pensar que tudo irá melhorar em breve, se as contas dos países ficarem mais equilibradas, e que terão sido só notícias alarmistas, em sistema normal de ciclos económicos!

Anónimo disse...

Os valores dos Bancos estavam sobrevalorizados se calhar.

Fada do bosque disse...

Com todo o respeito e sendo alienada, é nisto que acredito, Margarida e estou também cheia de pena dos bancários e dos banqueiros nem se fala.
Não deixei de chamar terrorista ao iraniano

As sociedades secretas e semi-secrretas que nos governam.

RT = Tribunal Rothschild / Família Rothschild

Conselho dos 13 = Os 13 "druidas" mais chegados do núcleo Rothschild

Conselho dos 33 = 33 Franco-mações do grau mais elevado

Comité dos 300 = 300 pessoas ligadas à coroa britânica, dominam o sistema bancário mundial e estão todos ligados ao grupo Rothschild

Bilderberg = Fundado em 1954, o núcleo principal presta lealdade a Rockefeller e Rothschild

Comissão Trilateral = Fundada em 1972 por Rockefeller e Brzezinski

Council on Foreign Relations (CFR) = Fundado pelo Round Table em 1921, controlado por Rockefeller, controla a banca mundial, o circulo mais intimo pertence aos Skull & Bones

Skull & Bones = Fundado em 1832 em Yale nos USA, o circulo mais intimo pertence ao Jason Society

Clube de Roma = Fundado por Rockefeller

ONU = Decidida em reunião maçónica em 1917, inicialmente nomeada de Sociedade das Nações em 1919, ulteriormente renomeada de ONU em 1945

Do Comité dos 300 fizeram ou fazem parte nomes como: Willy Brandt, George Bush, lord Carrington, Kissinger, Mitterand, Oppenheimer, Olof Palmer, princesa Beatrix, príncipe Rainier, Elisabeth II, JP Morgan, Cecil Rhodes, e claro David Rockefeller e Edmond de Rothschild.

Publicada por Octopus em 06:58 3 comentários Hiperligações para esta mensagem
Etiquetas: "Media", Bilderberg
ORGANIGRAMA DA SOCIEDADE
.
1 - OS VERDADEIROS DIRIGENTES

Os illuminati (Família Rothschild, Conselho dos 13, Conselho dos 33 e Comité dos 300)

A) SOCIEDADES ESOTÉRICAS
(Skull & Bones, Bohemian Grove,...)

B) SOCIEDADES SEMI-SECRETAS

(Clube Bilderberg, Comissão Trilateral, Council for Foreign Relations, Clube de Roma,...)

2 - ORGANIZAÇÕES GOVERNANTES

(Todas não-eleitas: ONU, FMI, BCE, FED, Comissão Europeia, OMS, FDA, "Media", ...)

3 - DIRIGENTES "MARIONETES"

(Presidentes, chefes de Estados, altos cargos estatais, chefes religiosos,...)

4 - BRAÇOS ARMADOS

(Serviços secretos: CIA, NSA, FSB, MI6, Mossad,...; NATO, Forças Armadas, milícias, grupos armados radicais,...)

5 - OS QUE TENTAM FAZER FUNCIONAR O SISTEMA

(Altos funcionários, políticos que acreditam nas suas ideologias, investigadores, militares convictos,...)

6 - OS QUE SE APROVEITAM DO SISTEMA

(Máfias, traficantes, redes de prostituição, redes de pedofilia,...(a maioria com a protecção dos níveis anteriormente descritos))

7 - A MASSA POPULAR

(Os consumidores, a maioria silenciosa, os passivos, os fans de clubes, os que acreditam nas informações transmitidas pelos meios de comunicação, os que acreditam que votar de 4 em 4 anos muda qualquer coisa, os que acreditam que votar é exercer um acto democrático livre,...)

P.S.:

(No meio de isto tudo, existem pessoas que que qualquer coisa está mal e não funciona, são os humanistas, investigadores independentes, alguns militantes ecologistas, jornalistas não-alinhados,... Estes podem ser oriundos dos níveis 7, 6, 5, 4 ou 3, raramente do nível 2 e nunca do nível 1)

Anónimo disse...

Oh là, là!!! Oh... Fada!!!!

Anónimo disse...

Mas que grande Fada...

Jose Tomaz Mello Breyner disse...

Senhor Embaixador

Imagine que se eu deixar de fumar (30 cigarros ) por dia posso comprar 30 acções do BCP diáriamente. Ou seja se deixar de fumar num ano fico com 10.950 acções do BCP.

Anónimo disse...

cara fada

a primeira parte do discurso era ate interessante mas depois quando comecou a falar das nacoes envolvidas no trafico de escravos durante mais de 400 anos comecei a ter uma dor no pe esquerdoque piorou com as 21(?) bases americanas em portugal...

o irao e um grande pais com uma capacidade tecnologica admiravel, ainda mais para um pais isolado.

Penso que a guerra irao iraque sera a origem desta continua politica de picardia com o ocidente, nao sei.

E tambem o petroleo e o gas (é sempre bom relembrar o mossadegh).

E o odio continuo a israel (que é um absurso com tantos judeus israelitas de origem iraniana...)

E uma pena. Nao fora isso e o irao seria uma turquia em ponto grande.


bh

Fada do bosque disse...

Caro BH,

Concordo plenamente consigo. Especialmente no que toca ás 21 bases em Portugal e à escravatura, não é de todo mentira, mas era escusado. O ódio ao sionismo, não considero que seja o mesmo, que ódio ao povo israelita mas sim às políticas adoptadas por Israel sendo que a mais gritante é a ocupação e a recusa de um Estado palestiniano, na ordem do dia na ONU. Não se percebe onde foram os sionistas arranjar legitimidade para o fazerem...
Diz que era bom relembrar Mossadegh, por se ter oposto ao imperialismo ocidental do petróleo?
Ou por ter sido considerado um tirano por ter afirmado que o Xã era um traidor?

Anónimo disse...

cara fada


os ingleses vieram nos 'ajudar' ha duzentos anos, e ainda hoje perduram na boca do povo expressoes de repudio (aos 'bifes') que datam dessa altura.

nao sei se israel, e se o irao conseguem ser tao distantes, tao frios em relacao ao seu passado como talvez fosse bom.

mas e dificil julgar.

bh
=
bem haja