quarta-feira, 6 de janeiro de 2010

Le temps des chimères



Recebi como oferta do pessoal da Embaixada, neste Natal, o excelente livro "Le Temps des Chimères", de Hubert Védrine, uma personalidade francesa de quem já aqui se falou.

O volume reúne textos de natureza diversa, desde artigos a entrevistas e intervenções, do período entre 2003 e 2009. Nele, Védrine traça a sua visão sobre a situação internacional. com grande atenção à América, à crise europeia e a outros temas, entre os quais a "françafrique".

Ao lê-lo, fica-se com a nítida sensação de que este colaborador próximo de François Mitterrand e, mais tarde, ministro dos Negócios Estrangeiros de Lionel Jospin, é  hoje uma das mais lúcidas cabeças da política externa europeia.

Pena é que, até agora, a sua experiência e rigor não tenham sido aproveitados nesse contexto,  para além dos "think tanks" que usufruem do seu saber e por onde, em Paris, o vou encontrando.

3 comentários:

José Barros disse...

O Pessoal da Embaixada fez uma óptima escolha.

Carlos Alberto Falcão disse...

Um homem politico corajoso, simplesmente.

Pas de " langue de bois"... sem "papas na lingua". Só pode merecer o respeito, se não a admiração de seus adversários.

Carlos Falcão

Helena Oneto disse...

Um bom presente que prova que o pessoal da Embaixada o estima, Senhor Embaixador.
Nutro uma admiração enorme por Hubert Védrine, diplomata extraordinario dotado de uma "clairvoyance" e lucidez excepcionais. Vou tentar ler "Le Temps des chimères" antes de o ver e ouvir, dentro de dias, aqui, na Gulbenkian. Confesso que tenho un béguin, muito particular, por ele!:)