sexta-feira, 21 de março de 2014

Periscópio

"É Periscópio!" dizia o jovem da mesa ao lado, pelo telefone, ao amigo, pretendendo identificar o bar onde arrulha, com uma pequena, desde há minutos.

Logo levou, da nossa mesa, um berro corretor: "Procópio!" A educação do "jeunisme" atual nem o levou a agradecer. Mas lá corrigiu, ao amigo: "Parece que é Procópio!"

Parece?! Quem lhe atasse um arado!

Em tempo: se se apressarem ainda o apanham por aqui...

3 comentários:

Anónimo disse...

O tempora o mores! Ainda estou nos sub-30, por pouco é certo, mas trocar de nome o Procópio? Inimaginável, onde mais se pode encontrar a sua mesa de tertúlia!

Isabel Seixas disse...

Vá-se lá saber a intenção espontânea e intuitiva do Moço...
Ver e transmitir imagens à tona das
águas correntes pode eventualmente não se compadecer das águas passadas ou a passar...

Anónimo disse...

Os senhores vivem todos é num submarino amarelo.

a) Feliciano da Mata, sempre na geração certa