sexta-feira, 21 de setembro de 2012

Brasil - Portugal

Começou o ano de Portugal no Brasil. 

Nos tempos que correm, não há, compreensivelmente, muitos meios para executar um programa à altura daquilo que se desejaria. Mas todas as oportunidades são poucas para ajudar a fixar na sociedade brasileira a imagem do país que hoje realmente somos e que os brasileiros, na últimas duas décadas, aprenderam a conhecer muito melhor - o Portugal para onde muitos vieram trabalhar e aquele que, numa conjuntura de algum sucesso, mandou para o Brasil capitais e gente qualificada. Nem tudo correu sempre bem, em ambas as aventuras. Mas muito de positivo ficou desse novo ciclo de intenso intercâmbio e o presente aí está a prová-lo.

Às vezes, nos meus tempos de Brasil, ao notar as caricaturas que de Portugal ainda por lá subsistiam, costumava ironizar e dizer que, ao chegarem ao aeroporto de Lisboa, alguns brasileiros ficavam surpreendidos por não serem recebidos por uma velhinha de ar triste, nazareticamente vestida de preto, talvez com algum bigode, a cantar o fado e envolvida num cheiro a sardinhas assadas. Somos o que somos, mas estamos muito longe de tudo isso. E os brasileiros, hoje, sabem-no.

Viva o ano de Portugal no Brasil!

16 comentários:

mv disse...

O Ano Portugal Brasil começou em 1500 com a chegada de Cabral à Bahia e com uma bela reportagem escrita por Pero Vaz de Caminha. Teve seu maior fulgor em 1808 com a vinda de D. João e a Corte de Lisboa, para mudar para sempre a cara do Brasil... Pedro I aqui, Pedro IV lá (segundo Seixas da Costa - que entende de tempo - por causa do fuso horário)portugueses e brasileiros são um só: Carmem Miranda é brasileira ou portuguesa? Antônio Vieira é brasileiro ou português? Estácio de Sá é brasileiro ou português? Brás Cubas é brasileiro ou português? Maria Adelaide Amaral é brasileira ou portuguesa.. enfim Ruth Escobar, Mel Lisboa, Ruy Guerra, Adelia Pedrosa, Fafá de Belém,Roberto Leal,Agostinho da Silva, Valentin e Abílio Diniz, Dimas de Melo Pimenta, Maria da Conceição Tavares... Francisco Seixas da Costa, nosso embaixador foi uma das personalidades mais fortes e praticamente o criador do Ano Portugal Brasil. Sua passagem por Brasília deixou marcas profundas. Vou citar duas: a Praça da Língua Portuguesa, na Biblioteca Nacional, com um painel gigante de Júlio Pomar, e criou uma tradição: ao apresentar credenciais ao Presidente da República, o embaixador português (pós Francisco) sempre leva uma c'roa de Flores ao túmulo de Juscelino no Memorial JK. Embaixador Francisco Seixas da Costa, seu legado é parte do Ano Portugal Brasil!

Anónimo disse...

Que bom saber de si e do que andou a fazer p'lo Brail e por Portugal enquanto embaixador por aquelas latitudes! Sei que dispensa agradecimentos por isso...

UM POUCO DE TUDO disse...

Não sei quem escreveu o inteligente e saboroso comentário (mv) ao lado, mas desejo manifestar minha plena concordância com cada palavra escrita. Sobretudo aquelas referentes à atuação inexcedível de meu amigo Embaixador Seixas da Costa no Brasil. Sua passagem por esta terra deixou de fato marcas profundas.
Lauro Moreira

Anónimo disse...

MV, enquanto brasileiro, assinalou marcas profundas da passagem de FSC pelo Brasil, como português não me esqueci de uma:

"Queria ver você cantar Garota de Ipanema em holandês!"

Nuno 361111

Anónimo disse...

Adoro estes comentários.

Maria Helena

Anónimo disse...

Começou?

mv disse...

MV sou eu, pá! Embaixador, Francisco, que bom ver os comentários sobre meu post. Não sei de onde veio o MV pois tenho nome e sobrenome. Mas este anônimo (Deve ser o Reco do Bandolim) lembrou bem a história de Garota de Ipanema, mais uma boa tirada de nosso Francisco. Pena que os comentários são escritos se não teríamos a voz.... A VOZ do embaixador e amigo Lauro Moreira. Na linha se é brasileiro ou português deixo a questão: Adriano Jordão é brasileiro, angolano ou português? Como o vejo sempre em Brasília, acho que é brasileiro...
Silvestre Gorgulho

Isabel Seixas disse...

Viva o ano de Portugal no Brasil!
in FSC

Ora viva.

Anónimo disse...

Que gira a pintura do rapaz.
Que feiosa a pintura da rapariga...

Julia Macias-Valet disse...

Pensava que as comemorações dos anos de X em Y começavam no dia 1 de janeiro e acabavam no dia 31 de dezembro seguinte !?

Se calhar na América do Sul começam com o outono...

Sera que é desta que vou ao Brasil !? ...por vezes temos que arranjar um pretexto para fazer uma coisa que queremos fazer ha muito tempo !

Anónimo disse...

Senhor Embaixador
Muito obrigado pela evocação do Ano de Portugal no Brasil, que nos estamos a esforçar para que seja um êxito.

Assinado: alguém da ewuipa do Comissariado-Geral.

Anónimo disse...

Senhor Embaixador

Tivesse Vossa Excelência o dom eterno da representatividade e as figuras nazaretianas de preto vestidas já não seriam mais sequer lembradas.
Obrigado pelo muito bem que fez pela honra e dignidade da nossa TERRA e da nossa GENTE e por favor não deixe de divulgar seu relatório de excelentes tascos , adegas e requintados restaurantes.
E por favor VOLTE SEMPRE

Com todo o respeito

Anónimo disse...

Prezado embaixador bem seria essa recepção da senhora de preto o cheiro de sardinha e quem sabe o bigode, do que uma Magnum 357 ou uma escopeta da qual costumamos receber os visitantes.
Do Brasil.

Anónimo disse...

MV esqueceste-se da incomparável talentosa Maria João Pires.

Ozias Filho disse...

A inauguração oficial dos espetáculos no Terreiro do Paço, em Lisboa, começou de uma maneira pouco simpática. Os organizadores colocaram uma grade que dividiu o evento (gratuito e de aproximação entre dois povos e países) em dois públicos: portugueses e brasileiros de primeira, que ficaram muito próximos do palco e dos artistas, interagindo com os mesmos, e ... portugueses e brasileiros de segunda, amontoados juntos a grade de proteção ... que, saliente-se, protegia os "Vip's", uns gatos pingados, perdidos em meio a tantos lugares vazios. Indecente! O Sr. Antônio Grassi - Comissário do Ano do Brasil em Portugal -, ao invés de se preocupar em apresentar os artistas (não é essa a sua função), deveria estar mais atento e sensível a este tipo de deselegância! Detalhe: os organizadores foram vaiados no final!

aldema ( www.correndomundo.blogspot.com ) disse...

Gosto muito de Portugal, um país que conheço razoavelmente bem.
Gostei muito deste blog. Quero conhecê-lo bem , fazer uma leitura atenta de todo ele.
Parabéns.Boa semana