sábado, 15 de setembro de 2012


13 comentários:

ARD disse...

Sibilino, muito sibilino, ultimamente...

patricio branco disse...

há que ir ao album que tem a história para ver o que o mordomo viu, ou então imaginar.
ps. ao ver a ilustração pensei por momentos que tinha clicado noutro blogue, mas não.

Anónimo disse...

Apareceu o iPhone? Deus queira :-)

Maria Helena

Anónimo disse...

Será que o mordomo ficou surpreendido com a manifestação que está frente à Embaixada em Paris?

Isabel Seixas disse...

Eu não disse?!...

Anónimo disse...

Solicitam-se crentes (mesmo impios) para novos responsos a S.to António. Stop
José Barros

Helena Sacadura Cabral disse...

Ó Senhor Embaixador então o mordomo do Alcipe está agora ao seu serviço?
Tenha cautela porque o Feliciano da Mata muda muito de ofício.
Nem quero pensar no que lhe terá provocado tal espanto!...

Anónimo disse...

O Embaixador está mandando mensagens cifradas, já são três, será que já dá para montar o quebra-cabeça?

Anónimo disse...

Nao sou eu, e o Nestor. Eu pirei-me. Cavei. Pus-me ao fresco.

Tenho vergonha!

a ) Feliciano da Mata, emigrante de luxo, Golungo Alto

Isabel Seixas disse...

Estive a pensar se de facto o anónimo das 20:53 tiver razão e o Sr. Feliciano da mata(Hum sr. enigmático...?) não nos der a solução, se podemos pedir apoio ao Professor amigo do José Rodrigues dos Santos...

Ora Vejamos...

"Esteganografia (do grego "escrita escondida") é o estudo e uso das técnicas para ocultar a existência de uma mensagem dentro de outra, uma forma de segurança por obscurantismo.

Em outras palavras, esteganografia é o ramo particular da criptologia que consiste em fazer com que uma forma escrita seja camuflada em outra a fim de mascarar o seu verdadeiro sentido.

Um exemplo básico de técnica moderna de esteganografia é a alteração do bit menos significativo de cada pixel de uma imagem colorida de forma a que ele corresponda a um bit da mensagem"
Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Sei lá sei lá, já não digo nada...
Isto está bonito está!

Helena Sacadura Cabral disse...

O Nestor não sai do papel. O Feliciano, ao contrário, corporiza-se e investe em ofícios variados.
Agora pirou-se para onde?
Por aqui também há uns rapazes administradores de instituições públicas a dizerem que cavam, que se piram. Mas creio que ainda lá continuam...
E o meu caro Feliciano onde está? Voltou à tv angolana?

Jose Tomaz Mello Breyner disse...

Novo Mordomo na Embaixada Senhor Embaixador?

Anónimo disse...

Cada um vê a supresa que quer e pode.

Para mim é altura de recordar quem tem mais saber que o meu:

Supreender-se é começar a
entender. "Ortega y Gasset"

Eu que na última semana não entendi nada, que no fim de semana não compreendi como foi possível, e que espero ansioso por Sexta para que alguém me explique, fico só com pena de não me supreender porque não entendo.

Nuno 361111