domingo, 12 de abril de 2015

Saia uma Cuba Libre!

 

Fulgêncio Baptista ter-se-á revolvido na tumba? Imaginem então Che Guevara!

8 comentários:

P.A. Lerma disse...

fulgêncio era muito adaptável e deve ser dos poucos que tal como o jean bedel bokassa veio da classe média baixa baixa

geralmente ditador vem do oficialato

Anónimo disse...

A fotografia e o título deste post merecem um prémio. O Senhor Embaixador antecipou-se algumas horas no registo da ideia, que outros iriam reproduzir. Parabéns pela sua aplicação neste blog. Mais uma vez estou agradecida. Como prémio bem merecia ir à primeira receção que Cuba derá em Washington.

Anónimo disse...

A besta do Castro não deve falar inglês! Reparem na tradutora...

Anónimo disse...

Que ninguém diga: "desta agua não beberei" (....) O que hoje não parece, amanhã é!...

Anónimo disse...

a besta comentadora de 12 de abril de 2015 às 08:19 não sabe que os que os que cultivam a dignidade da pátria e dos seus concidadãos falam de igual para igual com os outros e na sua própria língua.


Os cavacos e outros - sem consciência do património cultural que deviam defender - é que vão para fora mostrar-se poliglotas.

Provincianos com tiques de escravo.

Anónimo disse...

E Fidel também deve estar a dar voltas no túmulo...

Correia da Silva disse...

Ao comentador PALerma:

- Onde foi desencantar, essa palermice?

Anónimo disse...

A língua dos homens que pretendem a Paz é só uma.

Tenho para mim que Obama também não sabe falar espanhol.


(e que ninguém nos escute. O B.Obama é o charme em pessoa. Mete Kennedy e Clinton num chinelo nesse quesito e mainada.

Hmmmm adoro Cuba Libre!