terça-feira, 13 de janeiro de 2015

Luis Ochoa

Acabo de saber da morte de Luis Ochoa, um jornalista especializado em assuntos europeus que sempre me habituei a admirar e respeitar. Conheci-o em Bruxelas e, mais tarde, cruzei-me por diversas vezes com ele em Lisboa, na RDP, onde assumiu lugares de relevo. Era um "gentleman", de uma grande competência profissional e de um trato pessoal inultrapassável. 

Vão desaparecendo os "homens da Europa" da nossa comunicação social. Há anos, foi o Fernando Balsinha, mais tarde o Rui Moreira, há poucas semanas, o Fernando de Sousa. Agora, o Luis Ochoa. Um sentido abraço para a família do Luís.

2 comentários:

Henrique ANTUNES FERREIRA disse...

Chico

Não quis acreditar... Mas, infelizmente é verdade: morreu um Homem que era meu amigo.

Abç

Letras Dispersas disse...

Lamento... foi um bom amigo... dos tempos de juventude, em Moçambique. Fica a saudade :(