quinta-feira, 8 de junho de 2017

António Costa

Foi muito interessante ver a conversa de António Costa com José Gomes Ferreira, na SIC. O primeiro-ministro demonstrou uma imensa serenidade, transmitindo domínio dos dossiês e confiança, dando mostras de viver bem com as tensões nas áreas políticas que apoiam o governo, mesmo no tocante às greves. Ao seu interlocutor, coitado!, não tendo como contestar os resultados obtidos, restou a postura de tentar querer ser "mais papista do que o papa" nas reivindicações daqueles setores com que visivelmente não se identifica mas cuja agenda maximalista procura utilizar para tentar atrapalhar o governo. E tendo ele sido um arauto da bondade da austeridade, procura colar o atual governo a ela, como absolvição póstuma da governação passos-coelheira, da qual tem uma inapagável saudade. Vê-se que Costa está mais à vontade do que nunca e que se divertiu com a atrapalhação de um comentador que alimenta um tropismo de Cassandra, num tempo que há uma escassez de más notícias. Confesso que tenho alguma pena de José Gomes Ferreira, a quem cabe o destino dos cangalheiros: é no mal dos outros que reside o sucesso do seu negócio. Mesmo que "os outros" sejam o próprio país - com cujos sucessos Costa o obrigou, a espaços, a afivelar um esgar de esforçado "contentamento".

13 comentários:

Jose Martins disse...

Senhor Embaixador,
É impressionante a serenidade do Costa.... mas quando a coisa der para o torto o Costa, bate com a porta e o senhor que se segue que a abra!
.
A capoeira do Costa ainda não teve tempo de produzir galinhas e ovos para fritar omeletes. O Costa e os que escolheu para seu governo, para mim, são Joaquins Meirins.
.
Estou a ver muita propaganda barata, como ainda pouco ouvi, em entrevista à RTPi, José Luis Carneiro, sobre a comunidade portuguesa residente na Venezuela.
Saudações de Banguecoque

Anónimo disse...

O caro embaixador tem pena do jornalista.. eu tenha pena do escritor!

Anónimo disse...

Um pobre diabo, este Jose Gomes Ferreira economista da SIC! Cheguei a ter pena dele.

Luís Grave Rodrigues disse...

E para melhor sublinhar o ego doentio que lhe alimentaram ao longo de vários anos de "jornalismo" enfeudado, José Gomes Ferreira teve o topete de a certa altura da entrevista se dirigir ao primeiro-ministro como «o António".
Que falta de nível!

Manuel do Edmundo-Filho disse...

José Gomes Ferreira foi não só o arauto da bondade da austeridade como ajudou, Ricardo Salgado, Granadeiro e Bava e outros, com o seu discurso embevecidamente laudatório diante destes empresários, a construirem a imagem de grandes gestores. Ontem tentou ultrapassar o papel de entrevistador - que deveria ser o seu - para querer entrar em debate com Costa. Saíu-se mal.

Anónimo disse...

Depois deste triste comentário sobre a entrevista ao auto-intitulado primeiro-ministro num estilo e numa linguagem perfeitamente em linha com o socialista que nos "governa" declaro que foi a última vez que passei por aqui.

joana gouveia disse...

o José Gomes eu recuso-me a acrescentar o Ferreira, por respeito profundo ao grande poeta de lingua portuguesa e que o José Gomes deveria ter pelo menos o pudor de evitar, foi um dos arautos da austeridade do PPC e da bondade e do prodígio que as receitas da troika trariam para o nosso povo. megafone do "ir além da Troika" não havia noticia ou decisão que não desgraçasse a vida de milhares de portugueses em que ele não aparecesse determinao e sorridente, atirando números e estatísicas, pedindo mais e mais cortes , suspensões de direitos e um numero assinalável de tropelias.e sempre em horário nobre.
até que houve um dia e há sempre , que ele apareceu zangado, atirando-se ao Passos como o "gato ao bofe", nos tempos que as whiskas eram petiscos ainda desconhecidos dos ternurentos felinos.
Na celebre decisão sobre a TSU,( Chamava-se NINI, lembra-se embaixador), aí o José Gomes tão pródigo nas loas aos cortes, como não fossem impostos, puros duros e direcionados, zangou-se
Tocaram no bolso dele. e aí ficou "bravo". e eu fiquei triste pelos Jornalistas , com um J Grande que naõ cabe neste rascunho
E lembrei-me dos tempos heróicos da TSF ( acho que ainda maravilhosamente clandestina) em que ele às 11 da noite "ajudava" essa figura maior da rádio portuguesa que é o Fernando Alves.

Simone disse...

Ao anónímo : fazes cá uma falta!

Anónimo disse...

Ate à proxima oh anonimo das 19:11!


saudações anonimas

David Lencastre disse...

José Gomes Ferreira é uma mediocridade jornalística, que, se houvesse algum bom senso na SIC já o tinham despachado. O PM esteve como se esperava – (muito) bem. Sabia que teria pela frente um “artista menor” e teve até alguma compaixão pela criatura. Chegou a ser penoso ver António Costa a encostar o Ferreira, devagarinho, para não ter de o magoar muito, à parede. O tipo, o JGF, de tão Passista/Pórtista, chega a ser confrangedor. Uma entrevista com um PM deveria ser conduzida ou debatida com jornalistas de excelência. Infelizmente, há-os muito poucos. E seguramente JGF não pertence a esse clube. Enfim, foi mais uma "abada" para o Gomes (Ferreira entre parêntesis tendo em conta um comentário de uma Leitora). O sorriso dele já revelava o que ele percebera: que o PM tinha feito dele um boneco.
David Lencastre

Anónimo disse...

"afinal Educação sofre corte de 170 milhões em 2017 Orçamento"
https://sol.sapo.pt/artigo/532353/orcamento-afinal-educacao-sofre-corte-de-170-milhoes-em-2017

Governo omisso sobre 40% da austeridade
http://www.jornaldenegocios.pt/economia/financas-publicas/detalhe/governo-omisso-sobre-40-da-austeridade?ref=HP_Ultimosdestaques

Oito concelhos vão ficar sem ambulâncias do INEM à noite
http://observador.pt/2017/04/28/oito-concelhos-vao-ficar-sem-ambulancias-do-inem-a-noite/

A Federação dos Bombeiros do Distrito de Lisboa sofreu um corte financeiro de 3,06%
http://www.jornaleconomico.sapo.pt/noticias/falta-de-meios-para-combater-fogos-levam-bombeiros-a-ameacar-boicote-162126

Nove hospitais em risco de fecharem serviços
http://expresso.sapo.pt/sociedade/2017-06-07-Nove-hospitais-em-risco-de-fecharem-servicos

2016 dependeu mais de cativações do que anos anteriores
http://www.jornaldenegocios.pt/economia/financas-publicas/detalhe/cfp-2016-dependeu-mais-de-cativacoes-do-que-anos-anteriores

SNS tem de reduzir despesas com pessoal trimestralmente - 35 %
http://www.jornaldenegocios.pt/economia/financas-publicas/detalhe/cfp-2016-dependeu-mais-de-cativacoes-do-que-anos-anteriores

Investimento público atinge mínimo desde 1960
http://www.jornaleconomico.sapo.pt/noticias/investimento-publico-atinge-minimo-desde-1960-109427

Baixar carga fiscal e subir impostos indiretos: Centeno explica aparente contradição
http://observador.pt/2016/09/14/baixar-carga-fiscal-e-subir-impostos-indiretos-centeno-explica-aparente-contradicao/

Carga fiscal sobe para 69% da gasolina e 61% no gasóleo
http://www.dn.pt/portugal/interior/carga-fiscal-sobe-para-69-da-gasolina-e-61-no-gasoleo-5028160.html

LUSA - corte de quase meio milhão de euros em fornecimentos e serviços externos e gastos com pessoal
http://www.dn.pt/sociedade/interior/sindicato-dos-jornalistas-questiona-marcelo-costa-ministro-da-cultura-e-partidos-sobre-a-lusa-8551782.html

Governo promete ajustamento estrutural de 3.500 milhões na legislatura (cortes)
http://www.jornaldenegocios.pt/economia/financas-publicas/detalhe/governo-promete-ajustamento-estrutural-de-3500-milhoes-na-legislatura?ref=HP_DestaquesPrincipais

Anónimo disse...

Aquela entrevista foi absolutamente vergonhosa. Tanto que esse pseudo jornalista sentiu necessidade de fazer contenção de danos quando se aprecebeu da borrada que fez e que o tiro lhe saiu pela colatra.
Falar daquela maneira com um ministro (neste caso o 1º ministro) so revela que nao respeita nada nem ninguem

ao anonimo 11 de junho de 2017 às 11:23
"Os jornalistas económicos devem ser isentos,? não opinam no quadro da sua própria formação?"

Sim, todos os jornalistas devem ser isentos. Apartir do momento que passam a emitir opinioes pessoais isso deixa de ser jornalisto e quando passa a ter conotacoes politicas comeca a ser propaganda.

O que se viu naquele triste espetaculo de José Gomes Ferreira e sic (so nao foi mais pq o Sr 1º Ministro muito soube levar a coisa muito bem) utilizando perguntas para fazer afirmações e criticas e depois tentar impedir a resposta quando nao lhe convinha foi absolutamente rafeiro e rasteiro. O objectivo de uma entrevista num canal noticioso deveria ser informar e esclarecer as pessoas e nao fazer propaganda.
Mas para a seita seguidora do querido lider pregador de Massama que nos ultimos anos saiu do armario tudo vale. Pode ser que surja num quadrante patriotico alguem que tambem ache que tudo vale para erradicar essa raça de mentirosos e aldraboes.

Vejam aqui essa entidade de jgf a fazer publicidade ao BES que esta protegido e é fiavel e robusto e confiavel num momento em que ja muita gente suspeitava

https://www.youtube.com/watch?v=jzjtv5tsLK0

Ou é um completo ignorante ou um vendilhao

Anónimo disse...

@Anónimo 10 de junho de 2017 às 15:26

Etão voçê já não é um defensor da austeridade e do alem da austeridade?
Anda agora muito preocupado com ambulancias, bombeiros e o sns.
Quando era feita pelo seu querido lider pregador de Massama era tudo bom, agora ja é mau. Tenha mas é vergonha na cara, se é que sabe o que isso é.

Para o recordar deixo aqui uns links:

Passos Coelho o maior mentiroso de toda a história de Portugal
https://www.youtube.com/watch?v=NrUOsoegOPY

Mentiras de Passos Coelho
https://www.youtube.com/watch?v=ttG0QehfAe4

O Passos Coelho de 2015 em debate com o de 2011
https://www.youtube.com/watch?v=tXDFf_9LATM

Passos Coelho: as mentiras
https://www.youtube.com/watch?v=iJCSmwLeUZg

O curriculum de Passos Coelho, Paulo Portas e suas mentiras.
https://www.youtube.com/watch?v=OoKopYNd5AU