quarta-feira, 4 de janeiro de 2017

"Digo eu, não sei..."


A convite do seu diretor, José Carlos de Vasconcelos, ocupo hoje a última página do "JL - Jornal de Letras, Artes e Ideias" com um diário a que dei o título de "Digo eu, não sei..."

Os leitores deste blogue e da minha página de Facebook não devem estranhar se por lá encontrarem, eventualmente noutras formas, retalhos de coisas já lidas. Cada suporte tem leitores diferentes e a imaginação tem limites.

De toda a forma, quem tiver curiosidade, pode ler o texto aqui.

1 comentário:

Anónimo disse...

A propósito do saque ontem ocorrido em setúbal, o Sporting vai fazer amanhã um comunicado. Espero no minimo e como sportinguista assumido que de uma vez por todas se declare guerra sem quartel a todos os que ao longo de décadas tem saqueado o Sporting. Assim espero que cada adepto do Sporting se transforme numa espécie de soldado. Vamos fazer o que outros há muito fazem. A partir de hoje teremos que jogar com qualquer carta, os outros é assim que tem ganho. Cada adepto terá que defender os interesss do clube, existem pessoas que sabem onde moram os mandicantes. A policia devia andar a intervir nesta questão e não se perder tanto tempo como na comunicação social que anda muito preocupada com os assaltos a moradias de pedantes( é para onde durmo melhor). Que me importa a mim que assaltem casas dos ricos? quero lá saber disso.