terça-feira, 4 de junho de 2013

Sondagens

Com um bom amigo polaco, que veio beber comigo uma Wiborowa gelada ao bar do Hyatt, aqui em Varsóvia, ao final da noite de ontem, comentei as sondagens que, segundo a imprensa de ontem, punem de forma pesada o primeiro-ministro da Polónia, Donald Tusk, curiosamente nas vésperas da sua visita oficial a Portugal.

Veio então à baila, por similitude, o grau de popularidade dos atuais dirigentes politicos portugueses e, com algum realismo, não pude deixar de comentar que, no nosso país, os governantes também estavam a obter muito maus resultados nas pesquisas de opinião.

Com cara séria, o meu amigo polaco comentou:

- Eu sou muito cético! É sempre prudente desconfiar das sondagens. É que, muitas vezes, elas dizem a verdade...

4 comentários:

Isabel Seixas disse...

Ora aí está um ceticismo crédulo...

Anónimo disse...

Há sempre quem não acredite nas sondagens e diga que o povo nunca está contente com a sorte que tem. Os nossos governantes em Portugal, todavia, têm sorte porque têm a Troïka a fazer barreira. É um governo sem responsabilidades. Oxa lá que esta régia não dure 60 anos!
José Barros

Anónimo disse...

Na democracia ideal as sondagens deveriam servir, efetivamente, para corrigir os governantes. Isto porque, no limite, pode muito bem acontecer que se eleja alguém, que de seguida decida ser ditador porque “tem” a legitimidade da eleição. Onde já vi isto?!
Entretanto, “no caminho”, podem fabricar muitas “brincadeiras”… O último exemplo é o que está a acontecer relativamente às propostas de despedimento dos FP.
Para além da total falta de lealdade e confiança demonstradas, relativamente ao que propuseram, o pior é que esta medida será aplicada pelos “gestores” mais medíocres da praça, instalados pelos partidos nas direções dos serviços e que este governo (no qual votei) mantém e acrescenta alguns!... Pelas sondagens, com a abstenção, como já se viu, não estaria lá nenhum dos políticos conhecidos…

Guilherme Sanches disse...

Não sei porque é que os nossos governantes têm baixa popularidade.
Ora vão até este endereço vejam ou revejam este vídeo, e constatarão que é uma injustiça (é só selecionar, copiar com ctrl+C e fazer paste ou CTRL+V no sítio certo). Imperdível.

http://www.youtube.com/watch?v=RFEf9_swh3s

Um abraço