quarta-feira, 2 de dezembro de 2009

Patten

Já aqui falámos, em tempos, de Chris Patten, um político conservador britânico com uma singular clarividência e coragem para assumir as suas ideias.

Para os que se interessam pelas coisas europeias e, em especial, pelo destino da voz própria da Europa no plano internacional, após a entrada em vigor do Tratado de Lisboa, deixo o link para o lúcido artigo que Patten fez publicar, entre outros, no "Le Figaro". Pode ser lido em francês ou ouvido no original em inglês.

5 comentários:

Correia de Araújo disse...

Ou em francês, aqui:
http://www.project-syndicate.org/commentary/patten23/French

Gil disse...

Ele continua "not quite a diplomat".

Abel Cohen disse...

Magnífico artigo. Patten no seu melhor: uma medida de bom senso e duas de inteligência. Coisa rara...

Anónimo disse...

Caro Embaixador junto segue "link" com convite que muito nos honraria aceitasse.

Cumprimentos Transmontanos

CC
http://confrariadechaves.net/index.php?option=com_content&view=article&id=135:jantar-aniversario-da-confraria-de-chaves&catid=8:media

Helena Sacadura Cabral disse...

Notável lucidez a de Patten. Mas aqui, infelizmente, a inteligentzia política não percebe. E os que percebem ou se calam ou são mal vistos...