terça-feira, 6 de junho de 2017

Militares


Uma vez por ano, por vários dias e por várias horas, cabe-me dar "instrução" a quadros superiores das Forças Armadas portuguesas. Com a maior sinceridade, essa é uma tarefa que faço com imenso gosto, porquanto é sempre muito gratificante trabalhar com "alunos" que levam o seu curso muito a sério, que têm uma formação de base onde "encaixa" à perfeição aquilo que tenho para lhes transmitir, no tocante às questões da diplomacia e das relações externas. Inicio a minha colaboração nesse novo curso daqui a horas.

1 comentário:

Ana Vasconcelos disse...

Algumas das mais gratificantes experiências de ensino envolveram membros das forças militares. Muito bem preparados, de mentes abertas, interlocutores inteligentes e sempre 'in role'.