segunda-feira, 28 de novembro de 2016

A nova Moagem


Fui hoje "vistoriar" a nova Moagem: a redação do "Diário de Notícias". O pretexto (dela) foi uma conversa com uma amiga, mas o verdadeiro propósito (meu) foi tirar desforço de Ferreira Fernandes. Mas ele ainda não tinha chegado (sorte dele!). É uma angústia diária olhar (nem é preciso abrir, caramba!, porque vem na última página) o DN e ver escrito quase sempre o que eu gostaria de ter escrito e não consigo. Como é o caso de hoje, a propósito de Fidel. Ando, há anos, a ser humilhado pelo Zé Ferreira Fernandes! Com implícita autorização do Paulo Baldaia, pedi à Ana Sousa Dias para me mostrar a janela mais próxima do campo de um conhecido clube de Carnide. Verifiquei, com alívio, que só se vê uma trave de ferro (espero que já liquidada à construtora). Não fiz as contas, mas estou convicto de que a distância do novo DN face a Alvalade XXI é bastante mais curta. É a minha vingança, Zé! Um destes dias, convido-o para um almoço pelo bairro do seu clube, lá por Carnide. Podemos ir ao Miudinho ou à Adega das Gravatas, lugar mais próprio para diplomatas.

1 comentário:

Anónimo disse...

Senhor Embaixador

Permita-me aproveitar este seu postal para prestar homenagem à pena de Ferreira Fernandes. Raríssimas são as crónicas em que não fico com uma salutar inveja por não ter sido eu a escrevê-las. Mesmo quando tenho opinião diferente, tenho que curvar-me perante a estilística.

José Neto