sábado, 4 de junho de 2016

D'honneur

O franceses orgulham-se muito da sua mais importante condecoração nacional, a "Légion d'honneur". A relativa raridade com que é atribuída e o facto dos respetivos graus mais elevados serem muito difíceis de atingir, tornam-na numa condecoração referencial, mesmo no plano internacional. Em França, garante as melhores mesas nos restaurantes...

A "roseta" (o botão que se usa na lapela dos fatos) da "Légion d'honneur" é idêntica a uma das mais importantes condecorações portuguesas, a Ordem Militar de Cristo, bem como a uma outra similar ordem existente na Santa Sé. Para evitar confusões (note-se que usar uma condecoração indevida é crime, em França), no século XIX os franceses determinaram ser ilegal a utilização pública no seu território daquelas duas condecorações estrangeiras

Contava-se nas Necessidades que, um dia, a um importante diplomata português foi perguntado pelo embaixador francês, numa receção, se a condecoração que ele exibia era a "Ordem Militar de Cristo". O nosso diplomata, "modesto", terá respondido: "Non! Ce n'est que la Légion d'honneur"!" (é apenas a "Légion d'honneur")

3 comentários:

Joaquim de Freitas disse...

"A relativa raridade com que é atribuída e o facto dos respetivos graus mais elevados serem muito difíceis de atingir, tornam-na numa condecoração referencial, mesmo no plano internacional. Em França, garante as melhores mesas nos restaurantes..."

Pour une fois, Senhor Embaixador, o Senhor fez-me rir! Porque o Senhor acha que a Légion d'Honneur posta no peito do príncipe herdeiro da Arábia Saudita, onde se lapidam as mulheres, cortam as mãos dos larápios , se degolam os criminosos e se impõem condições às mulheres dignas dos tempos medievais, é digno da medalha francesa, ou o contrário ?

Eu sei, François Hollande deu-lha em "catimini", à socapa, como um gesto vergonhoso que era, mas que diabo, este príncipe pertence à casta daqueles que alimentam o terrorismo internacional ...

No que diz respeito às mesas de restaurante, algumas das melhores de Paris pertencem-lhe ....já !

Anónimo disse...

Eu sou legionário e tenho muita honra nisso. Foi ganha num combate diplomático em 1989. E concordo: não há melhor do que exibir a roseta para ter uma mesa num bom rstaurante parisiense sem reserva prévia.

JPGarcia

Majo Dutra disse...

~~~
Grata pelo esclarecimento.

Gosto de saber...
~~~~~~~~~~