sexta-feira, 4 de março de 2016

Lula


Ao contrário de muitos dos meus amigos brasileiros e de alguns portugueses, fico triste com a detenção do antigo presidente brasileiro Lula da Silva. Seria muito mais fácil não o dizer no dia de hoje, mas digo-o, sem hesitações.

Porquê? Por três razões.

Porque durante os quatro anos em que fui embaixador português no Brasil, só recebi do presidente Lula manifestações de interesse e carinho por Portugal, que eu ali representei. Porque, depois da minha saída do Brasil, continuou a ter para comigo gestos de simpatia e atitudes reveladoras de amizade e atenção. E isso não esqueço. Estando ele na cadeia ou fora dela.

Porque faço uma avaliação globalmente positiva dos seus mandatos, do salto que fez dar à sociedade brasileira, do sopro de esperança que trouxe a pobres e desfavorecidos, da fome que tirou a milhões dos seus concidadãos e do impulso extraordinário que deu à imagem e ao papel do Brasil pelo mundo.

Mas também porque me preocupa a radicalização que a situação política interna do Brasil possa vir a sofrer, por virtude desta ação da justiça. Há uma parte importante do Brasil que tenho a certeza de que vai interpretar esta detenção como uma espécie de vingança histórico-política, para evitar a sua recandidatura em 2018.

Se a humilhação por que Lula hoje passou tiver sido gratuita, espero que alguém seja por ela fortemente responsabilizado. Não se humilha um antigo chefe de Estado sem razões muito sólidas e incontroversas.

Mas que fique também bem claro: se se vier a confirmar que Lula da Silva é indiscutivelmente culpado dos crimes que lhe venham a ser imputados, desejo sinceramente que a justiça brasileira o condene e o faça pagar por isso, à medida exata das suas responsabilidades.

Digo aquilo que já disse noutro caso: acho sempre especialmente grave se se vier a provar que uma pessoa traiu a confiança democrática que o voto popular lhe confiou, para disso tirar vantagens materiais de natureza pessoal. Nesse caso, e sob prova concludente, deverá ser punida de modo exemplar. A justiça democrática por que Lula sempre disse lutar é isso mesmo.

38 comentários:

altaia disse...

Já foi libertado e por aquilo que o ouvi dizer não me parece culpado veremos.

NG disse...

O que causa mais tristeza é a semelhança gémea com o Processo Sócrates. Sinais evidentes de instrumentalização de mecanismos mediático-judiciais para atingir objectivos de política partidária, com o beneplácito das instituições e com o incitamento doentio de uma parte da sociedade que expia as suas frustrações a servir-lhes de marioneta.

Carlos Fonseca disse...

Subscrevo por inteiro o seu post, incluindo, com especial relevo, o último parágrafo.

Anónimo disse...

Meu caro Embaixador

As informações hoje recebidas de Brasília são reveladoras quanto ás provas e não só contra ele mas também incluem a família mais chegada. Pelo andar da carruagem aproxima-se o fim da era petista á frente dos destinos do Brasil.Esperemos pelos desenvolvimentos.
Albertino Ferreira

Aldema disse...

Muito lúcido, sensível e inteligente seu comentário...Meu país vive , neste momento, um envolvimento emocional - e apaixonado - intenso demais para meu gosto. Carecemos de aprofundamento nas análises, lucidez e seriedade nos discursos.

Joaquim de Freitas disse...

Bom"post", Senhor Embaixador. Vou mesmo até lhe agradecer de o ter feito com esta qualidade, porque também gostei da acção do Lula.
Devo-o ter cruzado nos tempos em que visitei durante dois anos a Wolkswagen e outras firmas do triângulo ABC, a Detroit brasileira, que o Senhor conhece bem.
A burguesia industrial e dos negócios nunca perdoou que um operário chagasse onde ele chegou.
Lula quase conseguiu a quadratura do círculo : . permitiu ao sector financeiro de conservar o seu papel central, o que permitiu às camadas privilegiadas de arrecadar enormes benefícios, e guardou para o Estado o desenvolvimento, tanto pela redistribuição das rendas que pelo reforço do papel regulador do Estado na economia,
Se não o apanharem numa falta grave da sua parte, o que seria lamentável, de qualquer maneira a direita brasileira, sonha de reconectar o Brasil sobre a política americana. Se não for hoje, será amanhã.

Esta direita é absolutamente reaccionária. Gritam contra a Bolsa Família, como a direita americana grita contra a Segurança Social de Obama. Sonham de recuperar o terreno das favelas, sem propor uma solução para os que lá vivem. E querem criminalizar o MST, porque os incomoda que existam movimentos que reclamam a terra para os que a trabalham.
E uma bomba a retardamento. Os mesmo que trouxeram um dia a ditadura militar querem o seu retorno.

Anónimo disse...

Desculpe que lhe diga, mas para quem foi embaixador no Brasil, o senhor foi bem enganado, tudo não passou de bolsas familia, crédito ao consumo e por ai vai. Onde está a saude, onde está a educação de qualidade etc etc.

NG disse...

É desconcertante. O Juiz Sergio Moro recebe do Estado Brasileiro um milhão de reais por ano e, pela sua acção espalhafatosa, pela estratégia explícita de transformar a justiça em espectáculo, com essa invenção da delação premiada, que serve para meia dúzia de bandidos, cujo rosto não esconde a índole, salvarem a pele, contando o que determinados objectivos políticos querem ouvir, lança o Brasil numa incerteza política com consequências económicas devastadoras, perseguindo um Presidente que trouxe prosperidade, concórdia social, respeito internacional e biliões de dólares, através do apoio pessoal à estratégia de internacionalização das suas empresas, com o pretexto mesquinho de o ver com um arquivo da sua presidência num armazém e utilizar uma casa no campo de alguém seu conhecido. Justiça que parece não ser cega não é justiça.

Anónimo disse...

Veja, Sr. embaixador, o site "Foro de São Paulo" criado no começo dos anos 90 pelo PT (partido dos trabalhadores, do Brasil) e todos os partidos de esquerda da América Latina,inclusive as FARC, instituição terrorista. O objetivo de tal foro é incentivar iniciativas possam levar - em resumo, mais cedo ou mais tarde -, à implantação do comunismo no Brasil e restantes países latino-americana.

Patrick disse...

Senhor Juiz:

Na manhã de hoje tive a oportunidade de assistir à entrevista coletiva concedida pelos procuradores do Ministério Público de Curitiba. Deixaram-me a clara impressão de que suspeitam que as palestras realizadas pelo ex-presidente Lula tenham sido uma fachada para encobrir o recebimento de recursos de origem escusa.

Há alguns anos venho acompanhando o ex-presidente em suas viagens pelo Brasil e exterior para levantar informações para o livro que estou escrevendo sobre um período de sua vida pública. Logo descobri que os aviões eram um ótimo local para meu trabalho: sem interrupções de telefonemas, agendas e visitas, eu podia passar horas tomando seu depoimento – lembro-me de um voo de mais de vinte horas de duração.

Acredito tê-lo acompanhado em mais de dez viagens internacionais. De memória, lembro-me de ter estado com o ex-presidente no México, Portugal, África do Sul, Moçambique, Etiópia, Índia, Alemanha, França, Espanha e Cuba.

Em todos os casos ele realizou, sim, as palestras para as quais havia sido contratado. Em alguns dos referidos países, mais de uma. Eu o seguia da hora em que acordava até quando se recolhia para dormir. Assisti a todas as palestras e testemunhei todas as audiências que ele concedeu a artistas, autoridades, sindicalistas e empresários locais. Em nenhum momento ele pediu que eu me retirasse para que pudesse conversar privadamente com alguém – o que seria absolutamente natural.

Trago o assunto à baila por uma única razão: sou testemunha da lisura e do comportamento ético que norteou as viagens do ex-presidente Lula ao exterior – e de que ele de fato proferiu as palestras agora colocadas sob suspeição. Nesse sentido, coloco-me à disposição desse Juízo Federal para oferecer meu depoimento, o qual, estou certo, contribuirá para a elucidação dos fatos sob investigação.

Atenciosamente,

Fernando Morais

jornalista e escritor

Anónimo disse...

Émbaixador, hoje tem que comprar o correio da manhã. Tem um especial do seu santinho de estimação, por quem o senhor tanto reza nesta sua capelinha dos milagres.

Anónimo disse...

Todos os malandros agem assim, fala fácil, maneirismo, demonstrando simpatia amabilidade e interesse, até cair a mascara. Ontem no seu pronunciamento patético, incitou uma guerra civil para um punhado diminuto de seus seguidores, conhecidos como mortadelados com Sukita, pagamento para formar sua claque. Terminou assim tentaram:
'Se tentaram matar a jararaca, não bateram na cabeça, bateram no rabo', diz Lula em discurso. Triste fim do pai dos "pobre". Até hoje não sabe concordar o artigo com o substantivo.

Anónimo disse...

Jornalista Fernando Morais, lamentável essa sua falta de visão, e é de se estranhar esse seu interesse por esse ser abjeto, populista, dissimulado. Se fosse tudo o que escreveu dele, o Brasil não estaria nessa situação. Nem Portugal esteve nessa penúria nos momentos mais difíceis, Portugal não tem uma gota de petróleo, e seu território são centenas de vezes menor que o Brasil. Já somos uma população de Portugal de desempregados.

Como bem disse Margaret Thatcher, quando 1ª Ministra da Grã-Bretanha:

"É impossível levar o pobre à prosperidade através de legislações que punem os ricos pela prosperidade.
Acredito que o Sr. deva fazer parte dos 1000 jornalistas pagos pelo PT para o defenderem. Nem o partido comunista da China tem tantos "jornalistas filiados tão dedicados" Gostaria muito de ler o seu livro assim que terminar de escrever.

Joaquim de Freitas disse...

Anónimo disse...
"Veja, Sr. embaixador, o site "Foro de São Paulo" criado no começo dos anos 90 pelo PT (partido dos trabalhadores, do Brasil) e todos os partidos de esquerda da América Latina,inclusive as FARC, instituição terrorista. O objetivo de tal foro é incentivar iniciativas possam levar - em resumo, mais cedo ou mais tarde -, à implantação do comunismo no Brasil e restantes países latino-americana.
5 de março de 2016 às 05:24"


Ao ler este texto, que é endereçado ao Senhor Embaixador, a quem peço desculpa de comentar, creio voltar ao tempo do maccarthysmo , conhecido igualmente sob o nome do "MEDO VERMELHO, nos EUA. O mesmo ambiente, o mesmo obscurantismo, o mesmo atraso mental que teve como resultado de obrigar os Americanos hoje a escolher entre um candidato proto-fascista, adepto do Ku Klux Klan, com ideias sombrias à Hitler, e outro/a neo que não satisfeita do massacre que fez na Líbia, com a NATO e com a ajuda do BHL e de Sarkozy, do mesmo calibre, sonha de recomeçar na Síria.

As forças reaccionárias na América Latina têm o vento na popa. A corrupção Lava Jacto, na Petrobraz, e só nesta firma, como se só existisse aqui e como se o mundo inteiro não fosse um oceano de corrupção, foi o rastilho de "mise à feu" . No Brasil, ela é endémica, mas toda a gente faz como se fosse a primeira vez! Antes, é verdade, era metida sob o tapete. Mas desta vez, a justiça e os media querem vingar-se de Lula, que ousou chegar ao poder. A justiça é partidária, e faz da lei o instrumento dum único bordo político, característico das ditaduras. Como Mac Carthy nos anos sombrios nos EUA, onde mesmo em Hollywood alguns "heróis" da nossa juventude denunciavam os seus colegas da cena, como Charlie Chaplin

O que cai na cabeça do Lula e dos seus amigos é uma ditadura duma minoria eleitoral, praticada pelos media e a oposição, e quando desejam a vinda dos militares dizem tudo! Que importa o Brasil e os brasileiros! Tudo é bom para destruir o maior líder brasileiro de sempre. Mas eles sonham de um marechal Castelo Branco...

Ah, se a grande maioria dos brasileiros que apoia Lula, tivesse um educação política, os reaccionários passariam um mau bocado!

NG disse...

Suspeitar da intenção das palestras que Lula fez mundo fora, tal como muitos outros grandes estadistas mundiais fazem, elevando o prestígio, a notoriedade e influência do seu país, é o cúmulo do ridículo.

Junior will disse...

os maiores assassinos da história da humanidade sempre usaram o discurso “vitimista” para manipular as pessoas raivosas, invejosas e revoltadas da sociedade contra o setor produtivo da sociedade, usando e manipulando o nome dos trabalhadores e dos pobres (já que eles mesmos nunca trabalharam) para justificarem roubos e assassinatos em massa!!!!!!!!! a inveja dos vagabundos sempre teve sua energia canalizada para a tomada do estado de forma a controlarem e roubarem as riquezas geradas pelo setor produtivo da sociedade, sob a justificativa de “distribuir a riqueza entre os pobres” (a fábula de Robin Hood) e, após a tomada do estado, e da implantação gradativa do estado totalitário eles, invariavelmente, em primeiro lugar, tratam de assassinar milhões de pobres para terem menos com quem dividir...
vejam, abaixo, “vítimas” que foram “perseguidas” pela “elite branca” e reacionária durante a história, pessoas que foram injustiçadas pelo fato de defenderem os “pobres” e as “pessoas menos favorecidas” da sociedade, “verdadeiros” “heróis do povo brasileiro” e de povos do mundo inteiro, “vítimas do fascismo nazista” e da “imprensa golpista”, vítimas da truculência da polícia e da opressão dos poderosos.... não vamos nos acovardar!!!!!! não vai ter golpe!!!!!!! o povo sofrido, que foi “defendido” por essa gente, não vai se acovardar... e “vai atender” ao “chamado” de “defender nas ruas” esses “pobres líderes”, que foram “coercitivamente” oprimidos pelos representantes da polícia opressora das “zelites poderosas”!!!!!!!!!!!
tá certo, eu sei, todos eles ficaram bilionários, e deixaram os seus “amigos bilionários que orbitam em torno do estado” mais bilionários ainda, mas tudo isso foi feito pelos “pobres”, e os “pobres” não os abandonarão....

Francisco Gomes de Amorim disse...

Coitadinho do lula! Podre de rico, ele + família, roubou tudo que tinha valor do palácio quando deixou a presidência, e há quem chore por ele!
Bilionário, esperto, tudo em nome de laranjas, será que vai safar-se? O Brasil tem que lavar a cara, e cara mais suja é a dele

Anónimo disse...

O Senhor Embaixador, a Senhora Engenheira está farta desse governo esquerdista que apoia os inimigos de Angola e desse BPI que quer correr com ela e diz que com Seixas não teria queixas. Tome o poder, Senhor Embaixador, o Golungo apoia e aqui nunca gostamos de monhes.

Passando a assuntos mais frívolos: o seu amigo Alcipe é fresco! Em vez de o ir ouvir e ao camarada Porfírio ao Barreiro, como seria seu dever de diplomata e de socialista, vai para uma tal Casa da Achada, um coio do Bloco de Esquerda, ouvir um tal Antonio Guerreiro falar de parvoíces culturais. Veja bem, Senhor Embaixador, se se pode confiar em tal criatura... Denuncie-o já ao ministro Santos Silva, com quem o traste se vai encontrar na segunda feira.

São estes os seus amigos, Senhor Embaixador! Anda Vexa a falar bem deles no seu blog ( cá para o Feliciano nem uma palavra...) e nem se dignam ir ao Barreiro ouvi-lo!

Anónimo disse...

Visitou o website do Foro de São Paulo, Sr. Joaquim de Freitas ? Dê uma olhadinha lá ... O PT tendo por "cpanheira" as FARC.

Anónimo disse...

só foi começar a Lava Jato, o Lula nunca mais fez uma palestra, nem no Brasil, nem fora do Brasil. Quem poderia explicar esse fenómeno? O que mais deixa dúvida, o Lula fez as uas palestras milionárias em países paupérrimos e todos eles tinham negócios com as construtoras brasileiras que tinham negócios com a "Petobrais" é assim que o ex presidente fala. Serveró foi colocado por Lula na diretoria da Petrobras. Está preso e fazendo delações. O Lula já faz tempo que está com a barba de molho.

NG disse...

A melhor maneira de combater o Foro de São Paulo é fazer por derrotar os seus partidos em eleições. Apoiar estratagemas mediático-judiciais para se furtar a esse combate dá força a essa organização e a outras ainda mais perigosas. É o que o iluminado Juiz Sérgio Moro anda a arranjar...

ignatz disse...

cagufa da direita com possível candidatura do lula em 2018. cá fizeram o mesmo com o sócras.

Joaquim de Freitas disse...

Anónimo Anónimo disse...
Visitou o website do Foro de São Paulo, Sr. Joaquim de Freitas ? Dê uma olhadinha lá ... O PT tendo por "cpanheira" as FARC.

5 de março de 2016 às 19:20




O quê? Os FARC no foro ? Incrível isso! Mas não se incomode, que Uribe não deve estar longe, e a CIA está ao lado, de certeza! Claro que preferia que estivesse no lugar dos FARC, os CONTRA . Esses comunistas estão por todo o lado! Ainda bem que beneficiamos do olho da CIA, que esses não estão por todo o lado!
Recorda-se do bispo Romero assassinado no altar durante a missa? Ele também era comunista.

A América Latina assiste, hoje, a uma verdadeira ressurreição de muitos povos indígenas, há décadas considerados em extinção. Existe no mundo inteiro uma articulação de movimentos sociais que buscam um novo socialismo democrático para o século XXI.

Actualmente, esses grupos sentem-se ameaçados pelas pressões das elites sociais, políticas e económicas que continuam impondo as suas armas e o seu modo de organizar a sociedade contra os pobres e contra a natureza.

Mas no Brasil é aquele que lutou melhor que ninguém contra a pobreza que é o alvo dessas elites.

“Frequentemente tenho sido ameaçado. Como cristão, não creio em morte sem ressurreição. Se me matam, ressuscitarei no povo salvadorenho” (…) Ofereço a Deus o meu sangue pela libertação e pela ressurreição do meu país" Disse o padre Romero.
E" não foram os FARC que o mataram: Leia por favor:
Apenas llegado de su viaje, el 17 de febrero, el arzobispo Romero envía una carta al presidente Carter en la que se opone a la ayuda que EEUU está prestando al gobierno salvadoreño, una ayuda que hasta el momento sólo ha favorecido el estado de represión en el que vive el pueblo. La respuesta del presidente estadounidense se traduce en una petición al Vaticano para que llame al orden al arzobispo."
E assassinaram-no.

Se Don Helder Câmara fosse vivo, era assassinado também. Porque as forças que assassinaram Romero sao as mesmas. Pobre Brasil!

Anónimo disse...

Lula é um pássaro com asa quebrada, não voa mais, fim de carreira, todos pais da Pátria tem esse fim. O poder os cega, Lula conhecido como Dom Luís 51, sai da história derrotado, sujo, execrado e relegado ao esquecimento. Já era em tempo.

Anónimo disse...

Sr. Embaixador caso tenha alguma dúvida sobre a figura do Lula acesse esse endereço para saber um pouco mais da vida desse bandido. >>>> http://www.imprensaviva.com/2016/03/lula-convoca-seu-exercito-mortadela.html

NG disse...

Anonónimo 12.34. Lula e Sócrates sairiam da história relegados ao esquecimento se fossem combatidos com lisura democrática. Ao utilizar maningâncias mediático-judiciais torpes, os seus inimigos dão gaz e propriedade à chama de combatentes da liberdade que ilumina a História.

Anónimo disse...

NG 6 de março de 2016 às 14:14. Aqui no Brasil a justiça age conforme a constituição e as leis, tudo foi feito conforme as leis, tudo foi respeitado, e para o Lula foram feitas algumas concessões,foi depor na ala VIP do aeroporto e seguiu com uma viatura sem identificação da PF, não foi autorizada filmagens do Lula sendo levado para depor Só ele teve esse tratamento. Portanto essas "maningâncias mediático-judiciais torpes" não se aplicaram no caso do Lula. Em Portugal não sei se isso aconteceu com o Sócrates.

NG disse...

Anónimo das 22:06, Não é uma maningância mediático-judicial um procurador vazar à comunicação social as suas suspeitas antes de ouvir o contraditório da defesa ou sequer mesmo de a notificar? Não é uma maningância mediático-judicial prender um suspeito para o investigar, vazar, sem contraditório, todas as suspeitas imaginadas na cabeça do procurador, vários pormenores da vida privada do acusado, registados durante a investigação, sem relação com a prática de qualquer crime , e deixar passar vários anos sem formular uma acusação concreta? Não é uma maningância mediático-judicial a existência de determinados jornais e revistas que seleccionam para publicação os fragmentos dos processos que permitem insinuar narrativas que favorecem certos objectivos políticos e ignoram todos os que os prejudicam?

ignatz disse...

por cá é o manhólas & associados, no brasil é o pig (partido da imprensa golpista) e quem tiver dúvidas da semelhança dos processos e métodos português e brasileiro é ler isto:http://www.redebrasilatual.com.br/politica/2016/03/ato-contra-lula-equivale-a-uma-confissao-de-medo-diz-bandeira-de-mello-6999.html e juntar-lhe o esforço da justiça e comunicação social portuguesas na colagem sócras/lula.

Lurdes disse...

Gostei muito de ler o que escreveu e especialmente o último parágrafo.
Orgulho-me de saber que há portugueses que assim pensam. Dá me esperança que Portugal consiga sair deste atilamento em que se encontra. Lurdes Alexandre

NG disse...

Carlos Fino explica tudo isto muito bem
http://www.jornaltornado.pt/republica-juizes-democracia-plena/

Joaquim de Freitas disse...

Exactamente Caro Ignatz : Escrevi mais acima, hà dias, a mesma coisa : A classe média tem medo, como nos EUA no tempo do Mac Carthy. O MEDO VERMELHO ! Porque estes sao os unicos que têm qualquer coisa para perder! Os outros, a massa que ainda nao saiu do geto, nao tem nada a perder. Marx dizia isso doutra maneira...

"Eu acho que uma conflagração social não vai chegar a ocorrer. Porque eles anunciam uma maioria que não existe. Porque essa gente que eles invocam é a classe média, e a verdadeira maioria está no povão. Na hora em que o PT recomeçar, digamos, o seu progresso, o que vai acontecer? Os meios conservadores vão ter que se mancar, pra usar um termo popular. Porque é o operariado que sustenta a riqueza e o andamento do país. Uma hora o operariado vai resolver fazer uma greve geral – que não está para acontecer logo, mas que pode acontecer se a provocação dos coxinhas continuar."

diz Bandeira de Mello. Eu escrevi doutra maneira: " Se o povo soubesse o poder que tem na mao, a burguesia (a classe média alta, que conheço bem )!apanhava um certo cagaço... Que o aciordem e verao! Mas sobretudo têm medo que aquele raio de "comunista" volte ao poder em 2018...

Joaquim de Freitas disse...

Exactamente Caro Ignatz : Escrevi mais acima, hà dias, a mesma coisa : A classe média tem medo, como nos EUA no tempo do Mac Carthy. O MEDO VERMELHO ! Porque estes sao os unicos que têm qualquer coisa para perder! Os outros, a massa que ainda nao saiu do geto, nao tem nada a perder. Marx dizia isso doutra maneira...

"Eu acho que uma conflagração social não vai chegar a ocorrer. Porque eles anunciam uma maioria que não existe. Porque essa gente que eles invocam é a classe média, e a verdadeira maioria está no povão. Na hora em que o PT recomeçar, digamos, o seu progresso, o que vai acontecer? Os meios conservadores vão ter que se mancar, pra usar um termo popular. Porque é o operariado que sustenta a riqueza e o andamento do país. Uma hora o operariado vai resolver fazer uma greve geral – que não está para acontecer logo, mas que pode acontecer se a provocação dos coxinhas continuar."

diz Bandeira de Mello. Eu escrevi doutra maneira: " Se o povo soubesse o poder que tem na mao, a burguesia (a classe média alta, que conheço bem )!apanhava um certo cagaço... Que o aciordem e verao! Mas sobretudo têm medo que aquele raio de "comunista" volte ao poder em 2018...

Anónimo disse...

é bem isso: https://www.youtube.com/watch?v=p_dLK5HG_vA

Anónimo disse...

Que tristeza!! Digo o mesmo, como o Senhor. Que tristeza imensa! Porém, é uma outra tristeza, uma dolorosa verdade: o Brasil não merecia passar por tudo isto. O Brasil não merece isto. Ninguém merece isto! O povo brasileiro, como todos os povos do mundo, merece respeito. O Brasil vem sendo pilhado e vilipendiado. Chega! Inácio da Silva, em se comprovando toda a rapinagem por ele promovida (e por seus companheiros) merece estar onde deveriam estar todos os ladrões e estelionatários. Tenho de dizer onde é esse lugar? Acho que não ...

Tristeza também senti ao ler seu "post". O senhor tem perdão, claro, como todos aqueles que foram enganados e que ainda não acordaram para a realidade.

É, Inácio da Silva é um grande ator. Um grande presidente NÃO!!! Nem um grande Homem, o que é ainda mais grave.

Cumprimentos, Senhor Embaixador!

Anónimo disse...

Anônimo 10 de março de 2016 às 22:14

Concordo com todas as letra com sua opinião, pondera, expressa a verdade, sem paixões.

La Mère Supérieure disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
La Mère Supérieure disse...

PORTUGAL manda novo recado ao Brasil “Se vocês não prenderem LULA, nós iremos fazer”
Autoridades policiais que investigam o negócio Oi-PT suspeitam da existência de movimentos que terão facilitado as autorizações políticas. Estes poderão ter partido das construtoras brasileiras, após receberem o dinheiro devido pela PT.