domingo, 22 de novembro de 2015

Verão quente


Lembrei-me disto ontem, ao sair da "Bagoeira", o excelente restaurante de Barcelos.

Foi há mais de 40 anos, no mês de Agosto de 1975. Nesse dia, à porta daquele mesmo restaurante, vi três fulanos que me pareceram excessivamente "interessados" na parte traseira do meu Fiat 128, estacionado ali perto. Aproximei-me e perguntei o que se passava, identificando-me como proprietário do automóvel. Com ar bastante calmo, um deles olhou para mim e disse: "Estamos a discutir se havemos de partir o vidro ou 'arrebentar' uma das portas". "Essa agora!, porquê?", perguntei. "Porque temos de arrancar esta bola vermelha", apontando para um pequeno autocolante, com o símbolo do MES, que eu tinha no canto do vidro. E olharam para mim com um ar neutro, que revelava alguma ameaça e a segurança da total impunidade para a levar à prática.

Não valia a pena estar com muitas conversas. Os tempos eram tensos, em especial nessas bandas do Minho, onde o MDLP, associado a setores da igreja, contestava abertamente os caminhos da Revolução. Tudo o que "cheirasse" a esquerda era por ali reprimido, com sedes de alguns partidos a arder (num caso, com gente a morrer lá dentro), com bombas a matar pessoas, com simpatizantes de algumas forças políticas desse setor a serem perseguidos. A polícia e alguma tropa fazia de cega, quando não acontecia, como muitas vezes aconteceu, colaborar na "festa". Nesse "verão quente" o diálogo não era a palavra de ordem mais ouvida.

Com assumida cobardia, fui dizendo: "Bem, eu estou de saída, ia agora tirar o carro". Os fulanos entreolharam-se. Um deles disse: "Se o tirar já, não partimos o vidro. Mas não queremos ver por aqui gente como você". E lá me fui embora. Dessa vez, porque volto sempre com grande prazer a Barcelos, uma belíssima cidade, onde ontem almocei.

Vale a pena (re)lembrar esta historieta, agora que nos aproximamos do 25 de novembro...

6 comentários:

aamgvieira disse...

As Mortágua são filhas do herói Camilo Mortágua !?

António Martinho disse...

Ao ler o seu post ocorreu-me a vontade tão persistente dos partidos de direita em comemorar este ano o 25 de Novembro. Resquícios?...

Nulo disse...

Pena que não tenha elaborado sobre o quadro global da altura!!
Geralmente memória muito selectiva aponta para desonestidade ou menoridade intelectual.

Alcipe disse...

Os héroïs da direita ... Com os "enjoados de nascença" no Brasil !

aamgvieira disse...

Deviam ser autocolantes vermelhos ou avermelhados da altura.

jose disse...

assisti a muita coisa nesse tempo e para mim a forma como diz ser partidos associados à igreja, me parece completamente absurdo que nessa altura houveram sedes de partidos à esquerda que incendiaram a propria sede, para se fazerem coitadinhos e a seguir indemenizados isso foram coisas bastante correntes no norte de Portugal