sábado, 16 de agosto de 2014

À conversa no "Pereira" (15)

- Então já te vais embora? Foi pouco tempo...
- É pá! A brincar, a brincar, foram duas semanas. Mas, tens razão, parece que foi ontem...
- E voltas para o ano?
- Se puder, volto.
- Já essa certeza não podem ter alguns Espírito Santo! Ainda há semanas andavam por ali calmamente na Comporta e hoje é o que se vê! 
- Se a Justiça que temos não funcionar, p'ró ano, ainda eles vão comer o belo peixe do Dona Bia ou os novos petiscos do Cavalariça.
- E, na pior das hipóteses, vão para férias um pouco mais abaixo...
- Mais abaixo? Para o Pego?
- Não! Para o Pinheiro da Cruz...

3 comentários:

Anónimo disse...

No Verão passado os media falavam diariamente dos swaps e dos barretes de Maria Luis na Comissão de Inquérito no Parlamento.
Este verão os media repetiam como papagaios que Maria Luis era indispensável em Lisboa e que Bruxelas também a queria como Comissária.
Apenas o EXPRESSO veio agora retificar o tiro e mostrar numa reportagem que a sua ascensão profissional de deve a calculismo e oportunismo.
No próximo verão ninguém se lembrará que houve um dia um Banco espírito Santo.

Carlos Fonseca disse...

Acredita mesmo que será alguém preso, sr. embaixador?

Anónimo disse...

E em Pinheiro da Cruz os reclusos produzem excelente vinho. Talvez seja prudente nao lhes entregar a tarefa da poda. Sugiro sulfatar.

Saudacoes
F. Crabtree