terça-feira, 8 de julho de 2014

Brasil...!

Por um compromisso simultâneo, não pude assistir ao Brasil-Alemanha. Pensava ver o jogo em "replay", mas agora, depois deste resultado (uma "cifra" que traz uma ressonância inescapável a um outro jogo, que para aqui não é chamado), acho que não vou ter essa coragem.

Faço parte de quantos, desde que Portugal (já) não esteja presente num campeonato, apoiam automaticamente o Brasil. Sei que nem todos os portugueses pensam da mesma forma, do mesmo modo que há muitos brasileiros que, com toda a legitimidade, preferem estar do lado de outras equipas.

Sabendo a importância que o futebol tem para o Brasil, e com a maior sinceridade, quero partilhar a tristeza dos meus muitos amigos brasileiros e dizer-lhes (embora saiba que isso de nada vale) que amanhã é outro dia e que o futuro do futebol brasileiro vai saber ultrapassar este infeliz "mineiraço". 

13 comentários:

Anónimo disse...

Pelo que vi no Parque Eduardo VII, eles levam aquilo na desportiva...

Anónimo disse...

Pois.
Sete a um é sempre um número histórico, inesquecível.
Quanto ao Brasil, tanto gozaram com os quatro a zero que...

Saudações.

Silva.

Anónimo disse...

Alemanha-Sporting même combat? Agora deu-me para aprender História e estudar francês, língua de futuro cá em cima.
a) Jaime Graça

Anónimo disse...

Ah...ah...ah...
Esqueceu de dizer que nesse outro resultado de 7-1, a equipa que perdeu esse jogo foi campeã nesse ano, com essa única derrota, e ainda ganhou a Taça de Portugal a esse mesmo adversário.
A tal equipa que ganhou 7-1 ficou em 4º lugar, com menos 11 pontos e depois de um jejum de 18 anos. E... e... muito mais havia a dizer, mas... não temos tempo. :)
JR

Luis Miguel Correia disse...

Futebol...

patricio branco disse...

dá que pensar, o que se passou ultrapassa todas as especulações, lógicas ou expectativas ou prognósticos num ou noutro dos contendores. 0 a 1 independentemente dos lados, tanto podia ser um como outro seria o que mais se esperava.
dá que pensar, há algo de simbolico nisto tududo, que quer dizer o resultado, que se passou, como explicá lo?
eu por mim proporia um aprofundamento do jogo num estudo colectivo em livro abordando os diversos aspectos, futebolistico, preparação tecnica, situação fisica, psicologica, treino/treinador, aspectos sociológicos, politicos mesmo (um mundial muito politizado internamente, que se seguirá a esse nivel?), outros aspectos mais escondidos que não me atrevo a enunciar, etc.
sim, merecia tudo isto um bom livro(s) com diversas abordagens.

que sentiram os brasileiros quando entraram para o campo? medo dos alemães e do momento, bloqueio, pânico? numa ocasião o defensor limitou se a olhar de lado a bola que entrava calmamente!

eu não puxo necessariamente pelo brasil nestas ocasiões, confesso que até preferia a vitoria da alemanha (e hoje ainda mais a da holanda)ou seja, da europa frente ao continente sul americano. tambem por aqui necessitamos de nos afirmar, de mostrar que tambem jogamos e bem, não é só brasil e argentina (recordo o triste mundial por lá no tempo da ditadura argentina).
mas uma derrota assim não, de maneira nenhuma, o-1 estava muito bem, até os espectadores sentiam a humilhação, foi muito desagradavel, penoso assistir, arrepiante, afinal o comportamento de portugal com a alemanha até foi superior e subiu uns pontos.

e rousseff? se já era contestada pelos milhares de milhões gastos na preparação do evento, que será a partir de agora? gastaste os milhões que precisávamos para politicas sociais para nos meter nesta humilhação !? será assim?
e scolari? desaparecerá ou receberá palmadinhas de simpatia? tudo é possivel.
de qualquer maneira, este mundial e esta partida ficarão na historia dos mundiais e na memória dos que assistimos...

Anónimo disse...

Acima de tudo, não se esqueçam: Portugal "tinha a obrigação de ganhar à Alemanha". Mesmo com dois titulares mandados para o estaleiro e outro expulso... Por qualquer razão, a equipa que, agora, todos andam a colocar no Olimop, por uma seleção de coxos a jogar com 10 seria facilmente derrotável...

Anónimo disse...

um pequeno engano: nem todos os portugueses apoiam o Brasil após a eliminação de PT
alguns (entre os quais esta família a que pertenço) apoiam a Holanda, num europeísmo serôdio, mas tão serôdio como apoiar brasileiros só porque falam português.
NC

Defreitas disse...

Quando um povo deposita tanta esperança num desporto tão mítico, e que este se afunda num oceano de desgosto, será de temer que a miséria procure fazer as suas contas com aqueles que considera responsáveis.

Sempre pensei que , no Brasil como em Portugal, tudo e feito para que sejam estes valores que predominem sobre os valores essenciais duma Nação moderna. Por isso estaremos sempre eternamente atrasados.

Anónimo disse...

Deixemos as filosofias!

Porque falhou o Brasil?

1 - porque tem uma equipa banal.

2 - porque o seleccionador brasileiro não percebe nada de futebol, no aspecto táctico e de organização da equipa. Só motivar não chega. Por outro lado não seleccionou os melhores, mas os do seu agrado. (Como por cá com o sargento Bento).

Cá para mim não há sentimentalismos baratos. Gosto de ver bom futebol, seja do Brasil, da Alemanha, da Holanda, do México, do Chile, da Colômbia, ou de Alguidares de Baixo!

Ontem deliciei-me com o futebol da Alemanha.
Se fosse o Brasil a dar 7, deliciava-me com o futebol do Brasil.

Mais nada!

Outeiro

Anónimo disse...

Defreitas: chato, chato, chato...

Anónimo disse...

Fiquei satisfeito com a derrota pois acho que o modo como o Brasil chegou a esta etapa do mundial foi algo bizarro...

Portugalredecouvertes disse...


se alguém apostou numa vitória 7-1 deve ter ganhado umas boas massas?!!
nem lembraria ao diabo
eu tinha prometido à minha amiga brasileira que iria continuar a torcer pelo Brasil, mas desta vez não resultou!
e até seria bom poder ver uma final Brasil-França