sexta-feira, 21 de dezembro de 2012

TAP

Afinal, não foi o fim-do-mundo para a TAP.

10 comentários:

patricio branco disse...

calculo que venceu o bom senso, houve receio de cometer um disparate, um erro fatal.
fiquei satisfeito e até nem questiono o governo por tanta confusão antes, durante e no final, o que me interessa é que por agora respiramos fundo, a companhia continua igual e a levar-nos e trazer-nos.

Anónimo disse...

Mas há uma coisa que é preciso dizer e o espírito é construtivo. Envergonha-me o nível de francês que se ouve nos voos Paris-Lisboa.Há um esforço a fazer e ser-se mais criterioso na escolha de quem também veicula a imagem do nosso País. Num tempo tão competitivo não há razão para os portugueses que exercem no ar não deterem um nível de francês excelente.

Anónimo disse...

Anônimo das 19:41, para não se envergonhar, "um nível de francês excelente" seria por exemplo, o do dr. Mário Soares ?

Helena Sacadura Cabral disse...

Ó Senhor Embaixador mas a imagem do avião com reflexo, não é muito apelativa para a Tap.
As confusões até ao final do negócio, é que foram o fim do mundo!
Devo estar a ficar velha porque, lá atrás, estas coisas só iam a CM em condições de serem aprovadas.

Anónimo disse...


Anónimo das 20.37

Há comentários do "camandro" !
O que é que o nível de francês de um político ou de um padeiro tem a ver com o daqueles cuja profissão , repito , profissão é saber entre outras coisas falar bem francês nos vôos Paris-Lisboa e volta .
Como pai de um rapaz que foi durante anos chefe de cabine e que fala bem francês porque fez questão nisso , acho o que diz uma falta de respeito para com os bons profissionais .

RMG

Anónimo disse...

Agora e muito mais dinâmico, e no próprio momento da decisão, e após esta ter sido pre-anunciada, que se decide em sentido contrario, criando um frisson e um espirito de novidade e permanente empreendedorismo que e exemplo para a Europa e deslumbramento para o mundo.

a) Feliciano da Mata, homem rejuvenescido

Helena Sacadura Cabral disse...

Caro Feliciano da Mata
Vejo, com gosto, que os últimos cargos no Golungo Alto lhe têm aprimorado o humor. Deliciei-me com este comentário!
Na segunda encarnação também vou ser assim empreendedora, dinâmica e constituir um exemplo para a Europa.
Se a Merkel lá chegou porque não hei-de eu chegar? O que é que ela tem mais do que eu?
Peso? Pouco.
Beleza? Ganho.
Inteligência? Nem preciso responder!
:))

Anónimo disse...

Ó Feliciano, desculpe lá, homem, mas constou-me que você, como conhecido homem de mão da Senhora Engenheira, estava em contacto com e Efromovich para tentar esse potentado aéreo que seria a "TAPG". Ou são só boatos da Maianga e do jornal do grande arquitecto?

a) Ronaldo Azenha (Pont-de-Sèvres)

Anónimo disse...

Suponho que se refere ao Grande Arquitecto do Universo?

a) O Avental Vermelho

Anónimo disse...

Nem comento a privatização da TAP... Entristece-me ver à venda uma das nossas bandeiras além-fronteiras.

Isabel BP