quinta-feira, 8 de março de 2012

Grande Eça!

Aqui está a nova placa que, daqui a alguns dias, vai ser colocada na casa onde, em Paris, morreu Eça de Queirós. A anterior, que estava muito deteriorada e era irrecuperável, havia sido inaugurada em 14 de Setembro de 1950, pelo embaixador de Portugal em França, Marcello Mathias (ver aqui). Optámos por reproduzir com exatidão do modelo anterior. 

Creio que todos os queirosianos devem ficar satisfeitos com esta notícia. Oportunamente, vamos organizar, no local, uma pequena cerimónia, para celebrar a recuperação deste memorial do grande escritor. 

6 comentários:

Mônica disse...

Senhor
Francisco
Que vontade de ver de perto esta homenagem!
Fica só na vontade e no sonho
com amizade e carinho de Monica

Isabel Seixas disse...

Claro que se fica satisfeito é mais um aconchego de autoestima para a identidade Nacional ao preservar a lembrança de um escritor indivisivel na ousadia de expressar a verdade social nua e crua com classe, cujo contributo no dominio da critica construtiva através de um humor único,inovador, impar e subtil é inegável.

Parabéns Senhor Embaixador.
Como diria a tia Laurinha está muito "fininha" logo com bom gosto.

Ao grande Eça

"Ecrivain et critique Portugais"

Margarida disse...

Ficam satisfeitos todos os portugueses, seguramente.

patricio branco disse...

as placas a marcar a casa ou edificio onde viveu um artista, cientista, politico, etc, são sempre um recordatorio util, uma homenagem. Eça merecia a nova placa.
Haverá placas em outras casas onde viveu, em frança (nancy?) e inglaterra (bristol e londres?)
Em Lisboa creio que já vi uma, não sei se no rossio. Tambem viveu em évora e leiria. Curiosas estas andanças como advogado, jornalista e consul.
Optimo ter se recuperado a placa de paris. Falta agora conseguir que a biblioteca da pleiade publique 1 ou 2 volumes com as suas obras escolhidas, incluindo as cartas de paris. Merece tanto ou mais que f pessoa lá estar publicado, na minha opinião.

Anónimo disse...

Teria Eça mantido um blog desde paris?

Anónimo disse...

Penso ter colocado no post sobre Marcelo Rebelo de Sousa um comentário relativo ao post da relativa a Eça de Queiroz. Lapso próprio de info-excluídos sexagenários...
José Honorato Ferreira