quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

Paula Rego

O novo Centro Cultural da Fundação Calouste Gulbenkian em Paris começa o ano da melhor forma: uma bela exposição de Paula Rego, uma pintora portuguesa que a França não conhece bem e a quem o Reino Unido, que não brinca em serviço em tudo quanto tem real qualidade, costuma qualificar como "Portuguese born British painter". Paula Rego vive em Londres desde os anos 50, mas a sua pintura nunca abandonou a memória da sua infância e juventude em Portugal, onde agora tem um belo museu.

Tenho pena de não haver um filme da fantástica explicação por ela dada a Mário Soares, em 1993, sob o olhar da comitiva que acompanhava a visita presidencial ao Reino Unido, mostrando as figuras representadas no mural que foi convidada a pintar na "Sainsbury wing", da National Gallery. Naquele seu jeito de simplicidade quase desarmante, que às vezes parece contrastar com a genial brutalidade de algumas das suas alegorias, Paula Rego desenhava em palavras cada personagem e revelava os modelos reais em que se inspirara: "Aquele é um homem que ia a minha casa trabalhar, aquela é uma senhora que faz limpeza lá em baixo, na cave do museu, e que eu convidei para posar..."

8 comentários:

zamotanaiv disse...

Poesia muito bonita

Um Jeito Manso disse...

E, numa entrevista, disse que tinha pintado um retrato daquele dos caracóis, que foi presidente, não se lembrava do nome. O entrevistador:'Quem? O Mário Soares?!' e ela, rindo, que sim. E acrescenta que gostava muito dele, ar maroto. E depois, 'A mulher gostou e comprou o quadro' e aí é que ela riu de gosto, marota mesmo.

Rui Franco disse...

A sua pintura "Amor", fez-me sentar e ficar a olhar durante uns largos minutos. É de uma expressividade magnífica.

Julia Macias-Valet disse...

E como escreveu um amigo meu no dia 18 de setembro de 2009 :

"Paula Rego é um nome maior da pintura mundial. O seu museu - projecto de arquitectura de Eduardo Souto Moura (n. 1952) e sob a direcção científica da historiadora de arte Dalila Rodrigues -, a sua Casa das Histórias, é inaugurada hoje à tarde, em Cascais. Fica aberta todos os dias, das 10 às 22. A entrada é gratuita. Não há desculpas."

http://www.casadashistoriaspaularego.com/pt/

ATENÇAO : Agora a Casa das Historias fecha às 18h.

Anónimo disse...

Sr. Embaixador,
pois eu lembro a pintora, quando na cerimónia de doutoramento honoris causa, na Reitoria da Universidade de Lisboa de uma simplicidade quase infantil, no meio de toda a pompa e circunstância explicar que fazia uns riscos e depois isso era pintura... Só mesmo quem é grande!

Mônica disse...

SR Francisco
Eu gosto de pintura assim que eu possa entender sem ficar dando voltas e fazendo de conta que sao lindas.
Lindas são a s pessoas e as flores.
com amizade Monica

Anónimo disse...

Este quadro de Paula Rego é belíssimo e não o conhecia.

Isabel BP

ERNESTO disse...

para os fãs de Paula Rego, visitem...

www.facebook.com/paulafigueiroarego