terça-feira, 24 de janeiro de 2012

Olympia

Amália Rodrigues criou, para sempre, um laço mítico entre o "Olympia" e os portugueses. Os artistas nacionais que, depois dela, encheram a sala do boulevard des Capucines devem ter experimentado essa sensação.

Ontem à noite, era patente que Kátia Guerreiro se sentia imbuída desse mesmo sentimento, durante o magnífico espetáculo que protagonizou. E porque era outra vez o fado que nascia naquele palco, tornava-se ainda mais claro, mesmo para aqueles que nunca chegaram a vê-la ao vivo, que a imagem de Amália pairava por ali.

4 comentários:

Anónimo disse...

Tirado do Facebook: Esta dupla parisiense luso-nipónica (Ricardo Vieira e Tomohiro Hatta) foram uma boa surpresa ontem no concerto de Katia Guerreiro no Olympia de Paris. Tocaram um excelente solo, casaram bem quando tocaram com as guitarras e até acompanharam muito bem a Katia a cantar um fado. O concerto com sala repleta foi, para mim, um pouco desconcertante - pouco fado puro e duro, muito fado-canção. Mas a dupla de pianistas agradou apesar de eu não ter ido ao Olympia para ouvir piano a quatro mãos. Aqui vos deixo um video de ambos num concerto na embaixada de Portugal em França. http://www.youtube.com/watch?v=fJKJi7jguic

Schubert Fantasie D.940 by Ricardo Vieira and Tomohiro Hatta
www.youtube.com
Ricardo Vieira and Tomohiro Hatta plays Schubert Fantasie D.940. Portuguese Embassy in Paris/April 2010

Helena Sacadura Cabral disse...

Ainda bem que Kátia teve casa cheia. Merece-o inteiramente!

Isabel Seixas disse...

É também acho e acredito que deve ter sido bem agradável, a Kátia guerreiro tem uma linda voz e uma presença que irradia simpatia, gosto Dela.

Jose Martins disse...

Senhor Embaixador,
Katia Guerreiro, uma grande senhora, actuou em 13 de Outubro do ano passado em Banguecoque no "Thailand Cultural Center"
Escrevi peça sobre seu espectaculo que poderá ser vista no http://maquiavelices.blogspot.com/2011/10/cantora-katia-guerreiro-actuou-e.html
Saudações de Banguecoque
José Martins