domingo, 29 de janeiro de 2012

O primeiro dia

Hoje, acordei a cantarolar isto.

12 comentários:

Mônica disse...

Que pena Francisco nao conheço o cantor nem a musica mas gostei deles.
com amizade e carinho de MOnica

Anónimo disse...

Hoje mais que que nunca, estas músicas fazem sentido...

C.Falcao

Portugalredecouvertes disse...

Sr. Embaixador
permita-me que aproveita a sua sensibilidade e o espaço para esta informação do dia que passou inclusive no noticiário (apesar de não ser o assunto do dia no seu blog):

a caravela replica da que foi com Vasco da Gama à India está à venda.

Será que não haverá 70.000 portugueses que queiram dar 1€ cada um para que não se venda a caravela? Talvez se consigo um protocolo com o Centro de Emprego quando os funcionários que estão de serviço, estejam lá inscritos!
Falou-se de um museu das descobertas em Lagos
Também não sei que entidades é que deviam promover a sua utilização e não o fazem, nunca são as que dizem alguma coisa!
Assim qualquer dia não seria se admirar que comecem a desmontar os Jerónimos ou a até a torre de Belém . É que isso foi visto no Egipto quando deslocaram os monumentos do Vale dos Reis, então nada é impossível!

http://www.publico.pt/Local/caravela-boa-esperanca--encalhada-na-marina-de-lagos-vai-ser-posta-a-venda-1530331

Anónimo disse...

Nostalgia meu amigo… (em francês soa melhor mas, posso escrever mal… e repararem...)

A esta distância das coisas sentimos frustração por não as termos apreciado com o valor que lhe damos agora…

Helena Sacadura Cabral disse...

Ai Senhor Embaixador preferia que cantarolasse "hoje é o primeiro dia da melhor parte da minha vida".
Todos os anos me levanto a pensar nisto. E sabe? É cada vez mais verdade, garanto-lhe!

Anónimo disse...

Parabéns por esta escolha ....
Já agora ouso incorporá-los aos de ontem ...

um grande abraço,
PSx

zamotanaiv disse...

Hoje vim a ouvir uma entrevista ao Sérgio Godinho na Radio Radar...
Ainda não está em podcast...

Catinga disse...

Fui ver o primeiro destes espetáculos, no Campo Pequeno. Foi uma desilusão... Tudo aquilo me "soou" a "vamos juntar-nos e fazer uns cobres, rapazes..."

Quanto ao artista, é grande, sobretudo quando abranda o ritmo.

(nunca me esqueci dele, numa peça de teatro dos Artistas Unidos, com o seu "Deus ajuda..." que fazia rir toda a gente)

Helena Sacadura Cabral disse...

Caro Portugal
Acredito nisso. Se a subscrição for aberta, pode contar com os meus bons ofícios para a divulgar.

Helena Sacadura Cabral disse...

Mônica querida
O cantor já esteve no Brasil e tem canções muito bonitas. Vá ao youtube e tem-as lá quase todas.
Beijo

Anónimo disse...

Sr Embaixador: compreendo muito bem a importância dessa canção na manhã do dia em que registou mais um aniversário. Parabéns

Isabel Seixas disse...

É bem bonita esta canção,bem conseguida esta versão, a meu ver há uma congruência entre a letra a musica e a voz/respiração do cantor que a tornam sempre um bom momento de pausa e reflexão.