terça-feira, 27 de setembro de 2011

Lisbonne

Edith Bricogne é a autora das fotografias e Fernando Pessoa escreveu dois belos textos que as Editions Chandeigne acabam de editar, num belíssimo livro - um presente que todos poderemos dar aos nossos amigos franceses, criando uma garantida angústia àqueles que eventualmente ainda não conheçam Lisboa.

15 comentários:

Anónimo disse...

AS fotos são numerosas e excelentes! Bem, convenhamos que o texto é curtinho e tem de se procurar (está nas páginas iniciais).... O livro -com as fotos, inéditas - é esmerado, uma beleza, como Lisboa! Como diz, para oferecer aos amigos franceses...

Anónimo disse...

nao sera antes a autora?

o cais do colunas a ao final da manha, com o tejo a contra-luz.

mas o tejo em contra-luz para mim é um contra senso.

lisboa é o tejo.


(bom, opinioes...)

bh

Mônica disse...

Francisco
Eu gostei muito de Lisboa e de sua história.
Quero voltar um dia para terminar de conhecer Portugal
com carinho MOnica
E o Senhor´que já morou no Brasil, pretende voltar para passear?

Mônica disse...

Francisco, Sr Embaixador
Eu estou morrendo de vergonha
Estava em Santo Antônio do Amparo, minha casa, do dia 16 de setembro até 23 de setembro.
Lá eu não tenho computador . Cheguei aqui em BH ( casa da minha irmã)mas estou morando em ambos os lugares. E resolvi passear pelo seu blog
Que susto!
Eu não sabia se eu ria ou se chorava.
E o pior é que não tem ninguem aqui das minhas irmãs pra ver.
OLhem!
Eu nem sei se agradeço !Mas mesmo assim muito obrigada!
Eu nem sei se mesmo com vergonha comento em seu blog!
Eu nem sei!
Ainda bem que não estão me vendo pois estou vermelhinha!
Mas não desistam de mim!
Pois adoro Portugal! Minha origem foi de Portugal. Um homem que vendia capote trazendo de Portugal e o seu patrão não gostou dele ter trocado terras pelo capote . Ele ficou morando aqui no Brasil nesta cidadezinha de Minas Gerais : fundando Santo Antônio do Amparo. Era Manuel Ferreira Carneiro
Um abraço e me desulpe, se não entendo a politica portuguesa ou outro assunto mais complicado
Mas infelizmente eu os amo
com muito carinho e vergonha Monica

Isabel Seixas disse...

Para além da Mônica e não só adoro Lisboa, linda airosa imponente orgulhosa, aliás só pode ter ficado bem em todas as fotos do livro.

Julia Macias-Valet disse...

Quem nao conhece Lisboa nao conhece coisa boa ! ; )

Julia Macias-Valet disse...

O Fernando Pessoa... é o do chapéu preto, bigodinho e oculos redondos ou é um actual ?

Helena Oneto disse...

Lisboa, branca, azul, o cais das colunas, o Tejo, de bronze, de prata, Pessoa, pessoas, as arcadas do Terreiro do Paço, as calçadas, as janelas, as aguas furtadas, o-por-do-sol-visto-do-Castelo, os longos fins de tarde no refugio das escadinhas das Amoreiras, as noites do botequim, o cheiro a mar em Cascais, as palmeiras nos jardins da Junqueira, os ocres das casas no Princepe Real, os azuleijos da casa da Lapa, o jardim da Estrela, o mar, o mar, o mar...

Anónimo disse...

A Praca da Figueira nao caberá na Rua da Betesga, mas, Lisboa cabe inteirinha no meu coracao.
Francisco F. Teixeira

Helena Sacadura Cabral disse...

Esta Lisboa que adoro neste país que eu amo!

Helena Sacadura Cabral disse...

Mônica
Você é uma pessoa deliciosa e todos os que visitam esta casa têm por si grande carinho!

Julia Macias-Valet disse...

Outro livro que acaba de sair e que também "fala de nós"...desta vez em BD :

"PORTUGAL" de Cyril Pedrosa

http://www.evene.fr/livres/livre/pedrosa-portugal-45144.php

Anónimo disse...

"(...) Mas infelizmente eu os amo
com muito carinho e vergonha Monica"

Quê???!!!

Julia Macias-Valet disse...

Caro anonimo das 10:11,
Para compreender o que a nossa querida amiga Mônica escreveu, vai ter que ler o post de 18 de Setembro "A Mônica e Portugal"...e os comentarios que lhe estao associados : )

Anónimo disse...

Adoro Lisboa.

Principalmente quando ouço o lindo fado cantado pela grande MARIZA.
Montras.
Este fado é uma fotografia de Lisboa cantada.
Confirme se não é vero.

http://www.youtube.com/watch?v=ppgim8oQbDc